Um bilhão de doses de vacinas será enviado da China para a África, num projeto de colaboração

231 visitas - Fonte: Blog do Esmael

O Presidente da China, Xi Jinping, na noite desta segunda-feira (29/11) participou e fez um discurso na cerimônia de abertura da Oitava Conferência Ministerial do Fórum sobre Cooperação China-África por meio de uma videoconferência em Pequim. Xi afirmou que China jamais esquecerá a profunda amizade dos países africanos. “China e África são um ‘exemplo brilhante’ para um novo tipo de relações internacionais”, disse.

De acordo com o líder vermelho, o espírito de amizade e cooperação China-África reflete a experiência dos dois lados de compartilhar bem e desgraça e fornece uma fonte de força para aprofundar os laços China-África. “A China trabalhará em estreita colaboração com os países africanos para implementar nove programas. A China fornecerá mais 1 bilhão de doses da vacina COVID para a África”, anunciou Xi Jinping, justificando por que ele é um dos mais destacados líderes mundiais.

Além dos imunizantes, a China enviará 500 especialistas e financiará 10 projetos sobre redução da pobreza e ligados à agricultura na África. O país asiático aumentará ainda mais o escopo de produtos com tratamento de tarifa zero para os países menos desenvolvidos que mantêm relações diplomáticas com a China, em uma tentativa de alcançar US$ 300 bilhões em importações totais da África nos próximos três anos.

“A China fornecerá US$ 10 bilhões em financiamento comercial para apoiar as exportações africanas e encorajará seus negócios a investir não menos que US$ 10 bilhões na África nos próximos três anos”, disse. O presidente ainda prometeu fornecer linhas de crédito de US$ 10 bilhões para instituições financeiras africanas, apoiará o desenvolvimento de PMEs [pequenas e médias empresas] africanas em uma base prioritária e estabelecerá um Centro RMB transfronteiriço da África. As empresas chinesas na África esperam para criar pelo menos 800 mil empregos locais.