PACIENTES ASSINAVAM SEM SABER DO QUE SE TRATAVA O TERMO DO “KIT COVID”, AFIRMOU À CPI DO SENADO A ADVOGADA BRUNA MORATO

A advogada Bruna Morato, que representa 12 médicos da Prevent Senior, afirmou à CPI da Covid, hoje, que pacientes da operadora de saúde assinavam o termo de consentimento do "kit Covid" sem saber do que se tratava.

"Isso não era posto como um termo de autorização. O discurso utilizado pelos médicos era que no momento da retirada do medicamento diziam: tem que assinar aqui. Não tinha ciência de que o “assina aqui” era o termo de consentimento", afirmou a advogada.

A advogada é responsável por ajudar médicos a elaborar um dossiê com denúncias envolvendo a Prevent Senior.

O material compilado pela advogada foi entregue à comissão e cita uma série de irregularidades cometidas pelo plano de saúde durante a pandemia de Covid-19 – entre as quais, a ocultação de óbitos pela doença e a prescrição de remédios sem eficácia. https://www.blogdomagno.com.br/ver_post.php?id=227363