Lula: "Brasil não pode ser maior exportador de carne do mundo se o povo não pode comer". A situação de miséria é dramática: no Mato Grosso, maior exportador de carne do Brasil, a procura por ossos bovinos está em alta

Lula e carga de ossos de carne bovina

247 - O ex-presidente Lula criticou duramente a política econômica do governo Bolsonaro, que levou à disparada da inflação dos alimentos e ao aumento do preço da carne. A situação de miséria é dramática: no Mato Grosso, maior exportador de carne do Brasil, a procura por ossos bovinos está em alta. 

"Tem gente que ainda acha que o povo pobre tem que ir na xepa no fim da feira para pegar as coisas todas amassadas. Não. O povo pobre gosta de coisa boa. Ele gosta de se vestir bem, ele gosta de morar bem, ele gosta de calçar bem, ele gosta de comer bem", afirmou Lula, em vídeo divulgado em suas redes sociais. 

Desde 2017 de volta no Mapa da Fome, o Brasil tem mais de 100 milhões de pessoas convivendo com algum grau de insegurança alimentar.

"Quem é que não gosta de um churrasquinho no final de semana com a família. Quem é que não gosta de uma picanha com uma pontinha de gordura assada?", questionou o ex-presidente. "É isso que o povo quer".