Lideranças políticas de Orobó denunciam crime na Barragem do Escuro


O Vereador Thomás Brito, junto com o Novo Grupo Político de Orobó, tornou pública uma denúncia com relação ao abastecimento de água da cidade.
Historicamente, a cidade sofre com a escassez nas torneiras, e após uma reunião em vídeo conferência com a Compesa foi estabelecido que a Barragem do Escuro em Água Branca, seria interligada com a estação de tratamento de água de Carnaúbas para ampliar a distribuição.
A ação deu muito certo, e conseguiu distribuir água a quem mais precisava, principalmente neste momento de pandemia.
Acontece que poucos dias depois, alguém ligou o registro de descarga, fazendo com que a barragem perdesse quantidade de água equivalente a 3 meses.
Como alguém tem a capacidade prejudicar tantas pessoas?
O grupo solicitou à Compesa que faça o boletim de ocorrência para apurar o fato e descobrir o criminoso.
Mas fica uma pergunta:
A quem interessa esse crime contra a Barragem do Escuro?