Onde está o elevador privativo do triplex

radiooiioo.jpg
Esta é a amostra de mais um episódio da Rádio Navalha, o podcast exclusivo para os assinantes do Conversa Afiada.
Rádio Navalha é o nosso programa de rádio na web, com comentários de PHA sobre a política brasileira e análises sobre o PiG e seus efeitos (deletérios).
Seja um assinante afiadoClique aqui e saiba mais sobre as vantagens para os assinantes do Conversa Afiadahttps://www.conversaafiada.com.br/brasil/onde-esta-o-elevador-privativo-do-triplex

Pimenta: CNJ vai condenar o Judge Murrow? Ou qualquer juizeco pode grampear Presidente?


Sem Título-23.jpg
Do Deputado Federal Paulo Pimenta (PT-RS):
Após dois anos da divulgação ilegal das conversas telefônicas da Presidenta Dilma Rousseff, o juiz Sérgio Moro – finalmente - pode ser julgado pelo Conselho Nacional de Justiça. A denúncia apresentada pelo líder do PT na Câmara, Paulo Pimenta (PT-RS), e os deputados *Wadih Damous (PT-RJ), Afonso Florence (PT_BA), Henrique Fontana (PT- RS), Paulo Teixeira (PT-SP), Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e Rubens Pereira Jr. (PCdoB- MA) está na pauta desta terça-feira (24) do CNJ.
Sérgio Moro é acusado pelos crimes de “interceptação telefônica da Presidente da República, de Ministros de Estado e de Senador da República, competência exclusiva do Supremo Tribunal Federal”; por “tornar público o conteúdo dessas gravações sem autorização judicial e com objetivos não autorizados em lei”, e por violar o sigilo profissional na comunicação profissional entre advogados e clientes, previstas pelos parágrafos 6º e 7º do art. 7º da Lei 8.906/94”.
Paulo Pimenta lembra que há dois anos Sérgio Moro conta com a proteção e o corporativismo do CNJ para não julgá-lo. O petista diz que ao ser julgado, Moro terá que ser, obrigatoriamente, declarado criminoso, e essa é a razão de tanta blindagem ao juiz da Lava Jato. “Se não declarar Sérgio Moro criminoso, o CNJ estará dizendo que qualquer juiz de primeira instância poderá grampear o Presidente da República, ministros do STF, do STJ. Por isso, a ministra Cármen Lúcia tem tirado esse assunto da pauta e impedido o CNJ de fazer esse julgamento”.
No dia 16 de março de 2016, o juiz Sérgio Moro grampeou uma conversa da Presidenta Dilma Rousseff com o ex-Presidente Lula e, posteriormente, divulgou os áudios à Rede Globo, horas após o anúncio oficial do nome de Lula como chefe do gabinete da Casa Civil do governo federal. A decisão de Moro violou o artigo 102 da Constituição Federal e a Lei nº 9.296/96.
Mesmo assim, em várias declarações à imprensa, Sérgio Moro afirma não ter se arrependido de ter cometido tais ilegalidades. “Trata-se de um fora da lei, alguém que tem certeza da impunidade”, afirma o deputado Paulo Pimenta. 

TJMG vai mandar Azeredo para a prisão ou para casa? Mensalão tucano é mais velho que o do PT...


Sem Título-27.jpg
Licença para roubar? (Reprodução)
Via JOTA:
O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) deve julgar, nesta terça-feira (24/4), os embargos infringentes movidos pela defesa do ex-governador do estado, Eduardo Azeredo (PSDB). Em primeira instância, o político foi condenado a 20 anos e dez meses de prisão, pelos crimes de peculato e lavagem de dinheiro no esquema conhecido como “mensalão mineiro” ou “mensalão tucano”.
Azeredo terá seu destino decidido pelos cinco desembargadores da 5ª Câmara Criminal de Belo Horizonte, a partir das 13h30. Os embargos infringentes a serem enfrentados pela turma pedem a reforma da sentença de 1º instância, proferida pela juíza Melissa Pinheiro Costa Lage Giovanardi, da 9ª Vara Criminal da Comarca de Belo Horizonte, em dezembro de 2015.
O caso, porém, guarda uma peculiaridade que permite dois cenários opostos: uma decisão contrária ao réu pode significar o pedido de execução imediata da pena, porém um entendimento favorável pode remeter o auto à primeira instância, o que, por previsão do Código Penal, pode levar à prescrição do caso. Como completa 70 anos em Setembro, Azeredo teria o benefício do artigo 115, que permite a redução do prazo de prescrição de vinte para dez anos, em jurisprudência firmada no STF em 2011. A denúncia, apresentada em 2007, perderia seu efeito antes de um provável novo julgamento.

PT reafirma: Lula é o candidato! Vem aí uma campanha nacional de filiação


Sem Título-26.jpg
O prêmio Nobel da paz Adolfo Pérez Esquivel, o Chanceler Celso Amorim e o teólogo Leonardo Boff, em Curitiba (PR), em 18/IV (Crédito: Ricardo Stuckert)
Conversa Afiada publica resolução do Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT):
Dois anos depois do golpe de estado que depôs a presidenta legítima Dilma Rousseff, o Brasil vive uma espiral de violência política, de obscurantismo e de agressões aos direitos fundamentais.
A censura às artes, estimulada pelos setores mais retrógados, a perseguição policial, do Ministério Público e de juízes às universidades, que provocou a morte do reitor Luiz Cancelier, e os ataques à caravana de Lula no Sul do país são exemplos desse ambiente de ódio.
Com enorme repercussão internacional, vimos o assassinato de Marielle e Anderson, que expôs dramaticamente a violência cotidiana contra mulheres, negros e LGBTs, paralelamente aos crimes contra camponeses e indígenas. As investigações sobre a morte de Marielle e Anderson, iniciadas com alarde, se arrastam há mais de um mês sem nada esclarecer.
No dia 7 de abril, a violência voltou-se contra o ex-presidente Lula, preso por decreto ilegal, inconstitucional e injusto de Sérgio Moro.
Por sua liderança na América Latina e pelo reconhecimento internacional de seu governo, do combate à fome e à pobreza, a prisão de Lula repercutiu negativamente ao redor do mundo e despertou grandes gestos de solidariedade.
A liberdade do ex-presidente Lula tornou-se questão central para a retomada do processo democrático no Brasil.
Lula foi condenado sem provas, por juízes parciais, que sequer conseguiram apontar o crime que ele não cometeu. Foi massacrado pela TV Globo e por toda a mídia que apoiou o golpe de 2016. Sua defesa foi censurada nos meios de comunicação.
Não se poderá falar em Justiça no Brasil enquanto o processo de Lula não for revisto e anulado, pelas ilegalidades, arbitrariedades, manipulações e cerceamento de defesa de que o ex-presidente foi vítima na primeira e segunda instâncias.

AMIGO YUNES DISSE A TEMER QUE ENVELOPE ERA "GROSSO" Essa roubalheira no Porto de Santos vai longe, não é, Daniel?


Sem Título-28.jpg
(Reprodução/Estadão)
Do vencedor do troféu Conexões Tigre, no Estadão:
O ex-assessor do Planalto José Yunes afirmou, em depoimento à Polícia Federal na Operação Skala, ter contado ao seu amigo, o presidente Michel Temer (MDB), sobre a entrega de ‘envelope lacrado grosso’ do doleiro Lúcio Funaro a pedido do ministro Eliseu Padilha (MDB). Yunes chegou a ser preso temporariamente no final de março no âmbito da ação da PF relacionada às investigações de suposto benefício concedido à empresa Rodrimar por meio da edição do Decreto dos Portos.
“Como é amigo do presidente, o encontra com certa frequência fora de situações de trabalho, em São Paulo. Sobre os fatos já noticiados relativos ao recebimento de documentos de Lúcio Bolonha Funaro, a pedido de Padilha, lembra-se de que se tratava de envelope lacrado grosso, da espessura de pouco mais de dois centímetros, que não era pesado.”, diz trecho do termo de depoimento de Yunes.
“Na oportunidade, não recebeu nenhuma caixa por parte de Funaro”, seguiu Yunes. “Conhecia o ministro Padilha e tem a esclarecer, que com relação à pessoa de Padilha, tinha um relacionamento amistoso, em consideração ao presidente da República. Essa foi a única vez que Padilha lhe fez esse tipo de pedido. Jamais havia recebido pedidos de outras pessoas para receber encomendas ou documentos em seu escritório.”
Yunes já é réu em processo por suposto envolvimento com o ‘Quadrilhão do PMDB’ na Câmara. A Procuradoria destaca o papel dele no suposto recebimento de R$ 1 milhão do doleiro Lúcio Funaro em seu escritório de advocacia, para a campanha emedebista de 2014.
Ao prestar depoimento no âmbito da Operação Skala, o amigo e ex-assessor do presidente Michel Temer, José Yunes, voltou a relatar às autoridades sobre o dia em diz ter recebido um ‘envelope grosso’ do doleiro Lúcio Funaro a pedido do ministro Eliseu Padilha. Desta vez, disse ter contado sobre a entrega a Temer.

Chomky, um dos maiores filósofos vivos, se une à campanha para Lula ganhar Nobel da Paz


Considerado um dos maiores intelectuais do mundo, o linguista, filósofo e ativista político Noam Chomsky aderiu à campanha em defesa do Prêmio Nobel da Paz para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
A campanha foi lançada na internet, por meio do site Change.org, pelo também Nobel da Paz Adolfo Pérez Esquivel. Na semana passada, o argentino chamou atenção do mundo ao tentar visitar Lula na prisão, no prédio da Polícia Federal em Curitiba, mas foi barrado pela Justiça.

A campanha pelo Nobel da Paz de Lula já ultrapassou as 240 mil assinaturas. A nova meta é chegar aos 300 mil (a meta anterior, já ultrapassada, era de 150 mil). 
"O que o Lula fez com na área da política pública, nas políticas sociais, de tirar da pobreza mais de 30 milhões de brasileiros e brasileiras é um fato único no mundo, ninguém fez isso", defende Esquivel. http://www.plantaobrasil.net/news.asp?nID=100301

AMIZADE DE LONGAS DATAS: Martinho Da Vila Para Visitar O Ex-Presidente Lula; SAIBA!


O cantor Martinho da Vila formalizou, nesta segunda-feira (23), um pedido para visitar o ex-presidente Lula, preso desde o dia 9 de abril na superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR).
O pedido do cantor foi encaminhado à juíza Carolina Moura Lebbos, da 12.ª Vara Federal. Lebbos, ao longo das últimas semanas, vetou a visita de inúmeras lideranças políticas e amigos de Lula, entre eles, a ex-presidenta Dilma Rousseff, o Prêmio Nobel da Paz, Adolfo Perez Esquivel, o teólogo Leonard Boff e parlamentares petistas e de outros partidos.
Ao Estadão, Martinho da Vila afirmou que Lula e ele são velhos amigos e que quer ir à sala especial onde o ex-presidente está detido para dar um “abraço de conforto”.

Câmara irá a STF exigir que juíza deixe visitar Lula

ALIANÇA COM PSB SERIA DESMORALIZAÇÃO DO PT, DIZ MARÍLIA ARRAES

Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem

Do Blog de Jamildo
Pré-candidata a governadora pelo PT em cenário de indefinição no partido sobre ter uma chapa própria na disputa ou se aliar ao PSB, a vereadora do Recife Marília Arraes afirmou nesta segunda-feira (23), em entrevista à Rádio Jornal, que sua posição é para não subir no palanque socialista. “O que aconteceria seria uma desmoralização do PT, uma diminuição dos espaços político-eleitorais. Acho muito difícil que o PT faça essa irresponsabilidade com o Estado”, afirmou.
Apesar do racha no partido, Marília Arraes afirma que a candidatura própria do PT é dada como certa. “Essa questão que não está fechado no partido é só uma questão burocrática”, defende. A executiva estadual da sigla marcou para 12 de maio um encontro para definir a posição para as eleições. Apesar disso, o resultado da votação deverá ser homologado pela direção nacional, que tem se aproximado do PSB.
Arraes minimiza as sinalizações nacionais de Lula sobre as conversas com o PSB. “O papel do presidente Lula sempre é de abrir portas, de expandir o leque de opções do Partido dos Trabalhadores”, disse.
A vereadora afirma que hoje o PSB não tem feito gestos para o PT nem nacionalmente e enfatiza que o partido pode lançar o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa para a presidência da República, enquanto os petistas mantêm a pré-candidatura de Lula, apesar da prisão dele. “Já que está se falando de estratégias nacionais, precisaria de gestos nacionais do PSB. E quais foram os gestos? Estamos falando de coisas miúdas”. Citando tempo de televisão e garantia de apoio a Lula, afirmou: “nada disso foi colocado, pelo contrário, o PSB está com candidato à presidência da República”.
Marília Arraes afirma ainda que nenhuma proposta de aliança foi protocolada até 23 de fevereiro, prazo interno do partido para isso. Para a vereadora, a militância petista não é favorável ao apoio ao PSB. “Essas pessoas que estão indo para a rua e lutando por tudo que nós acreditamos não podem ser decepcionadas. Por que o PSB considera consolidada a aliança e a gente não pode ter respeitada a nossa opinião? ”, questionou.
PSB de olho nos votos de Lula
A vereadora avalia que os socialistas têm apenas interesse eleitoral na aliança. “É mais fácil perguntar qual é o interesse deles nisso tudo, qual é o interesse em ficar o tempo todo atacando uma candidatura do PT, um partido que eles mesmos expurgaram”, disse. “Porque é uma candidatura que tem chances reais de ganhar a eleição, que tem o apoio do presidente Lula aconteça o que acontecer eleitoralmente e juridicamente. O interesse deles é surfar na popularidade do presidente Lula, se aproveitar da força dele e ao mesmo tempo tirar a nossa candidatura, que é bastante competitiva”, afirmou.
Nacionalmente, o PSB rompeu com o PT em 2013, por causa da candidatura do ex-governador Eduardo Campos, primo da vereadora, à presidência. Marília Arraes brigou com os socialistas no ano seguinte e deixou o partido em 2016, se filiando ao Partido dos Trabalhadores com a ficha abonada por Lula.
Chapa proporcional
Marília Arraes rechaçou os cálculos de políticos que defendem a aliança com o PSB, de que o PT poderia eleger mais deputados se estivesse coligado com os socialistas. “Várias pessoas históricas estão fugindo da chapa (do PSB) de tão difícil que é”, analisou. “Se aliando com o PSB fica muito difícil eleger deputado federal e pode diminuir a bancada na Alepe”. Nas contas da vereadora, com candidatura própria poderiam ser eleitos dois nomes para a Câmara dos Deputados, entre eles o presidente da Central Única dos Trabalhadores de Pernambuco (CUT-PE), Carlos Veras, seu aliado.
“Temos uma chapa proporcional boa no caso de candidatura própria”, pressionou. “No caso de aliança, seria esvaziada, e e nossos candidatos teriam dificuldade de atingir os do PSB, até mesmo por falta de recursos”.
Questionada como pretende financiar a campanha, ela respondeu: “Não vale a pena conseguir recursos de certas maneiras não republicanas. Depois as consequências são muito graves”.
A vereadora afirma que tem conversado com partidos para a montagem da chapa, mas não cita quais. Apesar disso, praticamente descarta ter na chapa o PCdoB, que nacionalmente é um dos principais aliados do PT mas em Pernambuco mantém acordo com o PSB. “Seria interessante, seria importantíssimo até por causa da afinidade nacional que o PCdoB tem com o PT, mas considero muito complicada no cenário local”, disse. Os comunistas receberam o ex-prefeito do Recife João Paulo, fundador do PT que deixou o partido por causa da indefinição.

Segunda turma do STF julgará novo pedido para Lula ser solto; 4 dos 5 membros votaram a favor de seu HC na última vez

Imagem relacionada
A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal vai julgar pelo site do STF um novo recurso no qual a defesa do ex-presidente Lula pretende derrubar a decisão do juiz federal Sérgio Moro, que determinou a execução da pena de Lula no processo do triplex do Guarujá. A defesa alega que a pena não poderia ser executada antes da conclusão dos embargos em segunda instância, no TRF4, em Porto Alegre.

O histórico da Segunda Turma é garantista. Quatros dos cinco ministros que formam o grupo votaram "sim" pelo último habeas corpus que impedia a prisão do ex-presidente, no dia 5 de abril. O ministro Luiz Edson Fachin, o único a votar "não", foi quem liberou o recurso para julgamento virtual.

O caso será julgado pelo site do Supremo e será aberto um prazo para que os ministros entrem no sistema e possam proferir seus votos. Encerrado o prazo, o resultado do julgamento será publicado. Dessa forma, não haverá reunião presencial para julgar o caso. Em geral, o julgamento virtual é usado para decisões que não têm grande repercussão e que possuem jurisprudência pacífica.

Com informações da Agência Brasil. http://www.plantaobrasil.net/news.asp?nID=100302

Não há Golpe perfeito!

SÓ FALTA O SUPREMO GRITAR “LULA LIVRE”

 Rafael Ribeiro


"O plano da mídia conservadora era jogar Lula na fogueira, é ela que pode se queimar. Está acontecendo justamente o contrário do planejado. Lula sobe, Moro desce na opinião pública", diz o colunista do 247 Alex Solnik; "A cada dia que passa aumenta a solidariedade a ele, no Brasil e no mundo. Nunca se falou tanto em Lula como agora. Até no horário nobre da Globo num programa campeão de audiência a vencedora do concurso gritou “Lula livre”. Até a neta de um jornalista que apoiou o impeachment e a prisão de Lula foi filmada gritando 'Lula livre'. Por ele mesmo"

DONA DE EMPRESA DE CURITIBA QUE DEU NOTAS FISCAIS DE REFORMA FALSA NO TRIPLEX É FILIADA AO PSDB

Imagem relacionada
As notas fiscais emitidas por empresas, algumas de Curitiba, para justificar a reforma inexistente no apartamento tríplex, no Guarujá, litoral paulista, e servir de base para a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva apontam para uma fraude processual. Nenhum dos produtos ou serviços cobrados, segundo a Justiça Federal, foi efetivamente entregue.

As notas fiscais foram emitidas pela empresas Tallento Construtora, GMV Latino America Elevadores, TNG Elevadores e Kitchens Cozinhas e Decorações. As duas primeiras têm sede na capital paranaense. Sequer os elevadores, a cozinha planejada ou as obras de alvenaria foram entregues, conforme constatou o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), ao ocupar o imóvel, na semana passada.

A dona da Tallento Construtora é Maria Clara Baumgart Gonçalves. Ela é filiada ao PSDB de Realeza-PR desde 1991. A parte estranha do negócio é que a OAS, sediada em São Paulo, tenha contratado empresas justo de Curitiba, onde situam-se os procuradores e o juiz da Lava Jato, para reformar um apartamento, anos atrás.


Mais estranho é notar que a reforma nunca ocorreu. Pior ainda é o fato de o juiz Sergio Moro ter negado cinco vezes que a defesa fosse ao apartamento para fazer uma perícia. Moro ainda manteve as "provas" usadas no processo em sigilo, ou seja, a defesa de Lula sequer sabia do que se tratava.
O quebra-cabeças da prisão política de Lula começa a ser montadohttp://www.plantaobrasil.net/news.asp?nID=100305

FLÁVIO RENEGADO LANÇA CLIPE EM HOMENAGEM A LULA

Revista Fórum - O cantor e compositor Flávio Renegado lançou um novo clipe, onde homenageia Lula, preso desde o último dia 7 na sede da superintendência da Polícia Federal, em Curitiba. Na canção, ele pede liberdade para o ex-presidente. Renegado usa versos como "Salve Jorge, salve o santo guerreiro. Salve Lula. Salve o povo brasileiro".
Nascido e criado na comunidade do Alto Vera Cruz, em Belo Horizonte, Minas Gerais, Flávio de Abreu Lourenço, ou Flávio Renegado, é extremamente versátil, compondo em vários ritmos, como rap, funk, hip hop, samba, MPB e reggae. De origem pobre, utiliza, em sua obra, uma linguagem concisa, mas bem engajada em relação aos problemas sociais. Assista ao clipe:

PRIMA DE CAMPOS: PSB QUER SURFAR NA POPULARIDADE DE LULA NO NORDESTE


Resultado de imagem para PRIMA DE CAMPOS: PSB QUER SURFAR NA POPULARIDADE DE LULA NO NORDESTE
Pernambuco 247 - Potencial candidata do PT ao governo de Pernambuco, a vereadora do Recife Marília Arraes, prima do ex-governador Eduardo Campos, acredita na vitória contra o PSB se chegar ao segundo turno. 
"Estão tentando constantemente desconstruir a nossa candidatura, pois tem chances reais de ganhar a eleição e terá o apoio de Lula, aconteça o que acontecer. Então o interesse deles é surfar na popularidade de Lula, se aproveitar da influência dele e retirar nossa candidatura que é competitiva. E eles sabem, que a gente indo com eles para segundo turno ganha a eleição", disse Marília nesta segunda-feira (23) durante o debate da Rádio Jornal.
A parlamentar avalia que seria uma desmoralização para o PT formar aliança com PSB. "Não podemos decepcionar a base e a militância, essas pessoas não podem ser decepcionadas. Então vamos conversar e não acredito que o PT vai tomar essa decisão, o que aconteceria era uma desmoralização e enfim, continuamos defendendo posição de candidatura própria. A decisão é em conjunto e coletivamente, mas a posição de Marília é de não subir no palanque do PSB", disse.
As relações entre a vereadora e o PSB ficaram estremecidas em 2014, quando a parlamentar integrava a sigla, mas não teve apoio para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados.
As duas legendas vinham em processo de afastamento no estado e no Brasil desde 2012, quando o PSB, presidido nacionalmente pelo então governador de Pernambuco, Eduardo Campos, lançou candidaturas próprias em cidades onde o PT tinha candidato, como Recife, Fortaleza e Belo Horizonte (ganhou nas três). As postulações eram parte de um projeto de Campos de conseguir o máximo de apoio possível no País para a candidatura presidencial, que seria lançada dois anos depois.
Depois, o PSB votou a favor do impeachment da então presidente Dilma Rousseff, em 2016, e atualmente se mostra contrário ao governo Michel Temer, o mais impopular desde a redemocratização. 

Impedida de visitar Lula, presidenta Dilma Rousseff se junta à Vigília Democrática em Curitiba

A presidenta eleita Dilma Rousseff esteve na tarde desta segunda-feira (23) no prédio da Superintendência da Polícia Federal de Curitiba para visitar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Impedida de ir ao encontro de Lula, em despacho assinado pela juíza Carolina Moura Lebbos, Dilma concedeu uma coletiva de imprensa e condenou a proibição. Em seguida, se juntou à Vigília Democrática pela liberdade do presidente. Veja como foi a coletiva:
Vídeo: Ricardo Stuckert

Seminário na Alepe debate Alienação Parental nesta quinta-feira (26/04)


Evento abordará atualizações no Estatuto da Criança e do Adolescente e o papel dos Conselheiros Tutelares no enfrentamento à AP

No Brasil, aumentou em mais de 160% o número de divórcios, somente entre 2004 e 2014, segundo dados do IBGE. Nesse sentido, houve também a elevação no número de guardas compartilhadas – modelo em que os pais dividem as responsabilidades e decisões cotidianas na vida dos filhos – que cresceu, de acordo com o Instituto de Geografia Estatística, de 2014 para 2015, de 7,5% para 12,9%.
Tais levantamentos sinalizam para a possibilidade crescente de ocorrerem casos de Alienação Parental – prática que consiste em programar uma criança/adolescente para, sem justificativa, odiar um de seus genitores (pai/mãe),  comprometendo o vínculo com este(a),  e que pode resultar em alterações no rendimento escolar, baixa estima da criança/adolescente, isolamento social, além de situações mais complexas de ansiedade e depressão, sem falar na ocorrência de crimes motivados pela prática, como o caso mais extremo de falso abuso.
Baseado nesses dados e tendo em vista a Semana Estadual de Combate à Alienação Parental, o deputado Zé Maurício, autor da Lei Nº 16.106/2017 – que passa a fixar a “Semana Estadual de Combate à Alienação Parental” no Calendário Oficial do Estado, no período em que conste o dia 25/04, alinhado com os debates internacionais sobre a temática – propôs o I Seminário de Articulação: O Estatuto da Criança e do Adolescente e o Papel dos Conselheiros Tutelares no Combate à Alienação Parental, que acontece na próxima quinta (26/04).
A abertura do evento (aberto ao público), que ocorre a partir das 13h30 no auditório Ênio Guerra da Assembleia Legislativa de PE, contará com a presença de autoridades como o Secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Cloves Benevides; e do Presidente da Associação dos Conselheiros Tutelares do Agreste Setentrional, Diego Silveira Santos.
Dividido em dois painéis temáticos, o Seminário discutirá a Alienação Parental na Visão do Estatuto da Criança e do Adolescente a da Lei Federal Nº 13.431/2017 – que estabelece o sistema de garantia de direitos da criança e do adolescente vítima ou testemunha de violência – , bem como, o Papel dos Conselheiros Tutelares no Combate à Alienação Parental.
“Tive a satisfação de participar em março, do I Diálogo Interestadual do SGD e Redes de Atendimento, promovido pelas Associações de Conselheiros e Ex-Conselheiros Tutelares de Pernambuco na Faculdade de Igarassu (Facig), o que nos permitiu visualizar a relevância da Lei Federal Nº 13.431/2017 – que aborda, entre outros pontos, a alienação parental, enquanto interferência na formação psicológica da criança ou do adolescente – , e também a pertinência do trabalho dos Conselheiros Tutelares, elementos essenciais para o enfrentamento a esse tipo de prática”, comenta o deputado Zé Maurício, sobre alguns dos pontos que inspiraram a criação do Seminário.
Segundo o parlamentar, o Seminário da próxima quinta (26) cumpre a perspectiva da Semana Estadual de Combate à Alienação Parental, visto que busca, através da interação entre as diversas instâncias e profissionais relacionados à AP, debater formas de enfrentamento a essa prática nociva e que traz consequências destrutivas para o convívio familiar e social.
Cartilha contra Alienação

Fruto de um estudo conjunto entre o Deputado Zé Maurício e sua equipe, a Procuradoria Geral da Alepe, o Centro de Apoio Psicossocial (CAP) do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), o Conselho Regional de Psicologia de Pernambuco - 2ª Região (CRP-PE), além da Faculdade DeVry Boa Viagem (DeVry/FBV), a Cartilha de Orientação às Crianças e Adolescentes para Prevenção da Alienação Parental foi lançada no fim de 2017 e é resultado da Lei Nº 15.447/2014 do parlamentar, que determina a disponibilização do Documento, de forma impressa em bibliotecas públicas e privadas de PE, e em formato digital em sites institucionais do Estado.
O material reúne locais, onde as vítimas podem buscar apoio legal para os casos de Alienação Parental, além de trazer sugestões de sites, filmes, leituras recomendadas, legislação sobre o assunto; procedimentos no âmbito jurídico para as situações desse tipo, entre outros pontos apresentados em linguagem lúdica, visando não só à leitura pelos pais, como pelo próprio público infantil, maior vítima dessas situações.

Confira a programação completa do I Seminário de Articulação - O Estatuto da Criança e do Adolescente e o Papel dos Conselheiros Tutelares no Combate à Alienação Parental:

Dia: 26 de abril de 2018
Hora: 13h30 às 17h
Local: Auditório Ênio Guerra – 4º andar do Anexo I da Assembleia Legislativa de Pernambuco

INSCRIÇÃO
13h às 14h

ABERTURA DO EVENTO:
14h às 14h30

MESA
Deputado Zé Maurício
Cloves Benevides - Secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude
Diego Silveira Santos – Presidente da Associação dos Conselheiros Tutelares do Agreste Setentrional

1º PAINEL
14h40 às 15h40
ALIENAÇÃO PARENTAL NA VISÃO DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE A DA LEI FEDERAL Nº 13.431/2017

Mediadora
Dra. Maria Emília de Oliveira Queiroz - Coordenadora Acadêmica do Curso de Direito da DeVry Unifavip
Palestrantes
Dr. Humberto Miranda – Coordenador do Programa de Escola de Conselhos de Pernambuco da Universidade Rural de Pernambuco
Dra. Paula Maria Malta Teixeira do Rêgo – Juíza da Decima Primeira Vara da Família da Capital

2º PAINEL
15h50 às 16h50
PAPEL DOS CONSELHEIROS TUTELARES NO COMBATE À ALIENAÇÃO PARENTAL

Mediador
Fernando Bezerra - Conselheiro Tutelar da Cidade de Igarassu

Palestrantes
Geraldo de Azevedo Nóbrega – Consultor na área da Criança e Adolescente e Professor da Escola de Conselhos de Pernambuco
Dra. Helena Maria Ribeiro Fernandes – Psicóloga Chefa do Centro de Apoio Psicossocial do Tribunal de Justiça de Pernambuco

ENCERRAMENTO
16h50 às 17h

FATOR AÉCIO PODE FAZER ANASTASIA DESISTIR EM MG


A desmoralização do senador Aécio Neves (PSDB-MG), acusado de receber mesada de R$ 50 mil de Joesley Batista, R$ 110 milhões da JBS e R$ 35 milhões em propinas da Andrade Gutierrez, por meio do empresário Alexandre Accioly, deve levar o também senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) a desistir da disputa pelo governo de Minas Gerais; a tendência é que ele apoie o deputado Rodrigo Pacheco (DEM-MG); com isso, o PSDB ficaria sem candidato no segundo maior colégio eleitoral do País – o que representa um revés também para a cambaleante candidatura de Geraldo Alckmin ao Palácio do Planalto; Aécio e Anastasia são dois dos maiores responsáveis pela tragédia brasileira – o primeiro liderando o golpe e o segundo relatando a farsa das 'pedaladas' no Senado. https://www.brasil247.com/pt/247/rss

ONDE A LAVA JATO EMPACOU? EM SP! É que tucano preso só no Zoológico...


M2.jpg
Até o PiG está constrangido...
No Globo Overseas"Lava Jato paulista demora a decolar".
"Força-tarefa só apresentou uma denúncia e fez uma prisão em oito meses".
Na Fel-lha: "burocracia, muitos juízes e ausência de digitalização (sic) dificultam (sic) a Lava Jato em SP".
"Processos estão espalhados em ao menos dez varas (em Curitiba está tudo na Vara do Judge Murrow - PHA); Ministério Público teve que reinaugurar força-tarefa".
Precisa desenhar, amigo navegante? PHA

"NOSSAS PUTARIAS TÊM QUE CONTINUAR, VIU?" Duvivier descreve Bolnossauro


Bolsonaro.jpg
Por Gregorio Duvivier, na Fel-lha:

"Pelo menos Bolsonaro vai mudar alguma coisa. Você pode não gostar dele, mas tem que admitir que ele é diferente de tudo o que tá aí."

Sabe o que também é diferente? Tatuagem no testículo. Martelada no mindinho. As camisetas do Faustão. Diferente não é necessariamente bom. O fato de uma ideia ser inédita não significa que ela seja boa. Não conheço ninguém que tenha tido a ideia de fritar a própria bochecha e comer com brócolis. É bom? Não sei.

O mais estranho é que Bolsonaro não consegue nem a proeza de ser inédito. E olha que ser inédito é mole. A frase que acaba de me ocorrer: "o plâncton peida no pâncreas" é, segundo o Google, inédita. Talvez por não fazer sentido algum. Já a frase "bandido bom é bandido morto" não é inédita. O que não quer dizer que ela faça algum sentido.

Tudo o que o sujeito propõe é o que já tem sido praticado nos nossos 500 anos de história. "Você tá doente? Eu inventei um negócio: você corta seu antebraço e deixa sangrar." Então, isso se chama sangria e faz 4.000 anos que não dá certo. "Queria propor uma coisa nova, que é queimar tudo o que é bruxa."

Pimenta diz que juíza teleguiada por Moro cometerá crime se impedir visita a Lula


Paulo Pimenta disse que notificou a juíza Carolina Lebbos sobre vistoria nesta terça, 24, na sede da polícia em Curitiba, de grupo criado na Câmara dos Deputados para ‘inspecionar’ local e ‘falar’ com ex-presidente
O deputado federal Paulo Pimenta, coordenador da Comissão da Câmara “destinada a verificar  as condições em que se encontra o ex-presidente da República na superintendência da Polícia Federal em Curitiba” prometeu que o grupo de parlamentares vai vistoriar as condições da custódia e avisa que se a juíza conhecida por ser teleguiada por Sergio Moro tentar impedir, cometerá crime
“Nós já notificamos a juíza (Carolina Moura Lebbos, da 12.ª Vara Federal de Curitiba), terça-feira, às 11 horas a comissão estará aqui em Curitiba, nós vamos entrar na Superintendência, vamos inspecionar a Superintendência, vamos falar com o presidente Lula, e quem tentar nos impedir vai ser responsabilizado pelo crime que vai cometer.”
O recado foi dado pelo deputado aos manifestantes acampados no entorno da Polícia Federal, desde que Lula foi preso no dia 7, para início do cumprimento da pena de 12 anos e um mês de reclusão, em regime fechado, no processo do triplex do Guarujá (SP). Um dos mais assíduos parlamentares à frente do movimento de resistência à prisão do petista, Pimenta discursou em microfone e gravou mensagem em redes sociais.
“Pessoal, a comissão de governadores veio até aqui e não pôde abraçar o Lula”, disse o parlamentar, sobre a visita de 11 governadores e três senadores na terça-feira, 11, a Curitiba, que pretendia ver o ex-presidente e teve o acesso negado pela juíza responsável pelo processo da execução da pena.
Na mesma semana, a Comissão de Direitos Humanos do Senado deliberou por uma vistoria na cela, realizada na terça-feira, 17 – mesmo dia em que foi criada na Câmara dos Deputados a Comissão Externa, pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).
“Nós temos uma comissão de deputados. Na última terça-feira comunicamos a juíza que viríamos aqui na quinta. Ela mandou para o Ministério Público Federal, um tal de doutor (Januário) Paludo deu um parecer contrário ela nunca nos respondeu”, afirmou Pimenta, na sexta-feira, 20, durante discurso aos militantes.
“Nós comunicamos ela (juíza) que terça-feira, às 11 horas da manhã a comissão estará aqui. E nós vamos entrar na Polícia Federal. E nós vamos visitar o presidente Lula. E se ela, o procurador, o delegado ou qualquer agente público tentar nos impedir, vai cometer um crime, contra a prorrogativa que a Constituição nos dá”, afirmou o deputado, escolhido coordenador da Comissão Externa.
O petista anexou ao ofício endereçado à Justiça ato do presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM/RJ), que informa sobre a criação de Comissão Externa, ‘sem ônus para a Câmara’.

Advogado pede a juíza teleguiada por Moro fim do isolamento de Lula



O advogado de Lula, Cristiano Zanin, esteve com a juíza que delibera sobre a execução da pena do ex-presidente. Foi formalizar pedidos de visita a ele. A magistrada avisou que vai decidir sobre o assunto em breve.
Gleisi Hoffman, presidente do PT, foi autora do primeiro pedido formal de visita a Lula. O MPF deu parecer favorável. A defesa também.
Segundo o portal UOL, a jovem juíza Carolina Lebbos é conhecida por advogados de réus da Lava Jato como “teleguiada” pelo juiz Sergio Moro. “Ela pede muita benção a ele”, disse advogada de um dos réus.

Gilmar Mendes vai apurar denúncias contra Sergio Moro


Resultado de imagem para Gilmar Mendes vai apurar denúncias contra Sergio Moro

Segundo o deputado Wadih Damous, do PT-RJ, Gilmar Mendes recebeu neste sábado as denúncias e provas de Tacla Duran contra o juiz de primeira instância Sergio Moro e seu amigo Zuculotto.

As denúncias incluem a venda de sentenças para diminuição de penas e multas de criminosos da Lava Jato. Segundo Duran, Zuculotto pedia propina para que as penas fossem abrandadas. Tacla Duran era advogado e doleiro da Odebrecht.

Marcelo Odebrecht, que era chefe de Tacla Duran, foi condenado a mais de 70 anos de prisão mas estranhamente ficou apenas 2 anos preso. A multa da Odebrecht sofreu uma diminuição de 97%. Diversos outros executivos tiveram suas penas diminuídas em décadas e já estão soltoshttp://www.plantaobrasil.net/news.asp?nID=100297

Lula | Ocupa São Bernardo

PRISÃO DE LULA FAZ DISPARAR FILIAÇÕES AO PT


A prisão do ex-presidente Lula fez disparar as filiações ao Partido dos Trabalhadores. Desde a detenção do petista, há 16 dias, foram registradas 3.230 filiações, 30% do total de 11 mil inscrições contabilizadas desde janeiro. A última parcial da dimensão do partido apontou, segundo registros internos, 2,1 milhões de filiados, dos quais 44% são mulheres. Nas cidades com mais de 500 mil habitantes, as mulheres respondem por 51% dos filiados. O PT é o maior partido em número de filiados do país.
“O Partido dos Trabalhadores lança nesta segunda (23) nova campanha nacional de filiação, intitulada “Sou Lula, sou PT”. A sigla decidiu estimular adesões após constatar que o número de ingressos espontâneos foi impulsionado pela prisão do petista. Desde que o ex-presidente foi detido, há 15 dias, 3.230 pessoas se registraram na legenda —quase 30% do total de 11 mil inscrições contabilizadas desde janeiro. A operação será inaugurada na reunião do diretório nacional, em Curitiba.”
CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Notas fiscais de reforma falsa em triplex do Guarujá são de empresas de Curitiba


Resultado de imagem para SERGIO MORO E LULA

As notas fiscais emitidas por empresas, algumas de Curitiba, para justificar a reforma inexistente no apartamento tríplex, no Guarujá, litoral paulista, e servir de base para a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva apontam para uma fraude processual. Nenhum dos produtos ou serviços cobrados, segundo a Justiça Federal, foi efetivamente entregue.

As notas fiscais foram emitidas pela empresas Talento Construtora, GMV Latino America Elevadores, TNG Elevadores e Kitchens Cozinhas e Decorações. As duas primeiras têm sede na capital paranaense. Sequer os elevadores, a cozinha planejada ou as obras de alvenaria foram entregues, conforme constatou o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), ao ocupar o imóvel, na semana passada.

“O complô formado no interior da estrutura judicial para levar a cabo a operação ‘Inquisição’ contra o Lula não teve sequer mínimos cuidados para disfarçar. Quer dizer, o Lula está preso por conta de reforma que não houve, levada a cabo por empresas de Curitiba em um apartamento no Guarujá”, escreve uma internauta.

Lava Jato

“Todas as empresas têm pagina no Facebook. Como não confio no Judiciário, fui pessoalmente questioná-las. Afinal, seja pela emissão de notas falsas, seja pela não entrega de serviços cobrados, é importante tirar isso a limpo. Convido todos a fazerem o mesmo (como tem empresa que já bloqueou as avaliações, a alternativa agora é postar a avaliação pelo Google)”, acrescenta.

Ainda na publicação, são transcritos trechos da sentença do juiz Sérgio Moro, titular da Operação Lava Jato.

“381. Os custos da reforma atingiram R$ 1.104.702,00 e incluíram a instalação de elevador privativo no apartamento triplex, cozinhas, armários, readequação de dormitórios, retirada da sauna, ampliação do deck da piscina e até compra de eletrodomésticos. (…)

Elevador

385. Ali se encontram a Nota Fiscal 423, no valor de R$ 400.000,00, emitida em 08/07/2014, a Nota Fiscal 448, no valor de R$ 54.000,000, emitida em 18/08/2014, a Nota Fiscal 508, no valor de R$ 323.189,13, emitida em 18/11/2014. Todas elas foram emitidas contra a OAS Empreendimentos e têm por objeto “execução de obra de construção civil, localizada no endereço Rua General Monteiro de Barros, 638, Vila Luiz Antônio, Guarujá, SP”. Total de cerca de R$ 777.189,00.

?386. Também ali encontram-se planta para reforço metálico do térreo do apartamento triplex, cobertura; no Edifício Mar Cantábrico, a Nota Fiscal 8542 emitida, em 15/09/2014, pela GMV Latino America Elevadores contra a Tallento, no valor de R$ 798,00; relativamente à venda de óleo para elevador.

Três paradas
A Nota Fiscal 8545, emitida, em 16/09/2014, pela GMV Latino America Elevadores contra a Tallento, no valor de R$ 47.702,00, relativamente à venda de elevador; a Nota Fiscal 103, emitida, em 20/10/2014, pela TNG Elevadores contra a Tallento, no valor de R$ 21.200,00; relativamente a serviços de instalação de elevador, com três paradas; na “obra solaris, Guarujá”. Esses serviços e obras contratadas pela Tallento foram incluídos nos preços cobrados desta para a OAS Empreendimentos. (…)

?389. Além da reforma realizada pela Tallento Construtora no apartamento 164-A, a OAS Empreendimentos contratou a Kitchens Cozinhas e Decorações para a colocação de armários e móveis na cozinha; churrasqueira, área de serviços e banheiro, no montante de R$ 320.000,00”.

“No mesmo processo, porém, os laudos da perícia da PF no triplex do Guarujá, atestam que o apartamento estava abandonado e que nunca foi ocupado. As notas fiscais referentes a instalação de elevador inexistente provam que foram forjadas”, acrescenta a professora paulista Mara Rocha.

Fraude
“Não existe elevador dentro do apartamento e nem área gourmet. Mesmo quando Lula afirma que não é proprietário. Inicialmente D. Marisa (Letícia, primeira-dama já falecida) pagou algumas cotas do apartamento, ainda na planta e desistiu da aquisição; por considerá-lo inadequado para a família.

“Mesmo quando o registro de propriedade encontra-se no nome da OAS. Enfim, a verdade aparece. Mesmo assim, apesar de todas as evidências Sergio Moro mantém Lula preso; num processo fraudulento dos quais ele é o principal articulador”, acrescentou.

Moro aceitou que o processo fosse baseado em uma notícia veiculada no Jornal Nacional; da Rede Globo. A matéria citava as referidas notas fiscais como suposta prova do envolvimento do ex-presidente no caso do tríplex. http://www.plantaobrasil.net/news.asp?nID=100292

A dança das pesquisas


Resultado de imagem para pesquisas
Raul Henry (MDB), vice-governador, garante que a Frente Popular está de posse de pesquisas, para consumo interno, mostrando que a popularidade de Paulo Câmara (PSB) está em ascensão.  Já Marília Arraes (PT), vereadora e pré-candidata à sucessão estadual, afirma o contrário. Que as pesquisas da oposição revelam que 6 de cada 10 pernambucanos reprovam o governo.

Baixa aceitação – Humberto Costa diz ter “o maior respeito” por Marília Arraes, por ela estar contribuindo para “oxigenar” o PT. Mas teve acesso a pesquisas encomendadas pelo partido em que o nome da vereadora teria baixa aceitação como candidata ao Palácio das Princesas.

Resolvam por aí – O senador pediu à direção nacional do PT que conduza as conversas com Carlos Siqueira (PSB) visando a uma aliança entre os dois partidos em Pernambuco. Mas a presidente Gleisi Hoffmann (PT) voltou a dizer que isso é “tarefa” das direções regionais.

O retorno – Num país em que a maioria das pessoas não renuncia sequer ao cargo de “inspetor de quarteirão”, Maurício Rands (ex-PT) surpreendeu PE em 2012 ao renunciar ao mandato de deputado federal. Teria legitimidade, agora, para pedir votos aos pernambucanos? Por Inaldo

Bolsonaro dá nova declaração racista para se defender de acusação de racismo


Imagem relacionada

O deputado e pré candidato à presidência da república, Jair Bolsonaro, do PSL, criticou a procuradora-geral da república Raquel Dodge e atacou os quilombolas. Dodge denunciou Bolsonaro ao STF por crime de racismo contra quilombolas, indígenas, refugiados, mulheres e LGBTs. O deputado acusou Dodge de ser contra a candidatura dele e renovou seu ataque aos quilombolas: "eles não fazem absolutamente nada". 

“Quanto aos quilombolas, eu tenho imunidade total por quaisquer palavras, opiniões e votos. Eu gostaria que a ilustríssima senhora Raquel Dodge nos acompanhasse —tem que ser nesta semana, semana que vem não vale mais— neste quilombola que eu fui, em Eldorado paulista, para ver o desperdício de recursos. Eles não fazem absolutamente nada. É uma realidade”, disse o deputado.

Em programa de TV exibido neste domingo, Bolsonaro comenta ainda a possível entrada do ex-ministro do STF Joaquim Barbosa (PSB) na disputa presidencial. Bolsonaro avaliou que tem "posições completamente diferentes" das do ex-ministro do Supremo e citou temas como as cotas raciais. O deputado se disse contrário a cotas raciais em universidades públicas. http://www.plantaobrasil.net/news.asp?nID=100295&po=s