Alepe discute PL para informar diabéticos

O deputado Zé Maurício (PP) deu entrada, em reunião da Comissão de Constituição, Legislação e Justiça da Alepe, na PL que visa a construção de cartilha informativa sobre a diabetes. A intenção é reduzir os impactos negativos da doença na população de portadores, que atualmente chega a 13 milhões de pessoas no Brasil, segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD). 
A ideia é que a cartilha esteja disponível impressa e em sites de estabelecimentos assistenciais de saúde, públicos ou privados do Estado. A proposta segue ainda para aprovação das demais comissões da Casa Joaquim Nabuco. Em tempo, é do parlamentar a Lei Ordinária Nº 15.447/2014, que prevê a disponibilização de cartilha para crianças e jovens naqueles formatos sobre Alienação Parental.

MPCO recebe pedido de intervenção estadual em Glória do Goitá

O presidente da Câmara de Vereadores de Glória do Goitá, Lívio de Amorim (PR), protocolou, em 21 de janeiro, pedido de intervenção estadual no Município dirigido ao Ministério Público de Contas (MPCO).
Fruto de requerimento de quatro vereadores e aprovada pela maioria dos parlamentares do Município, a documentação enviada pelos vereadores acusa o prefeito Zenilto Miranda Vieira (PTB), conhecido como “Dr. Miranda”, acusa o gestor de uma série de crimes e irregularidades, como “malversação e desvios de recursos públicos”.
Segundo os parlamentares, existem provas “irrefutáveis” de lavagem de dinheiro contra o prefeito, obtidas pela Polícia Federal (PF) em busca e apreensão na casa do gestor, durante a Operação Carona, em outubro.
A PF apreendeu na casa do prefeito extratos de conta corrente e escrituras de imóveis em nome do agricultor “Zé Banana”, que já foi seu caseiro.
Na conta do agricultor “Zé Banana”, foram detectadas movimentações financeiras de quase R$ 1,5 milhão, quantia que não é compatível com sua renda bruta, declarada em R$ 964,16 mensais.
Os valores estavam sendo recebidos diretamente da prefeitura e de empresas que tinham contratos com o Município. Uma das empresas investigadas recebeu quase R$ 2 milhões da gestão em 2014 e depositou R$ 20 mil na conta do laranja.
A PF determinou o afastamento preventivo do prefeito, no início de outubro, mas ele conseguiu voltar ao cargo com uma liminar do Tribunal Regional Federal do Recife, no final do mesmo mês.
O gestor continua sendo investigado, inclusive sobre novos fatos não abordados na Operação Carona. Uma denúncia envolve uma mulher de Feira Nova que teria supostamente recebido dinheiro oriundo da prefeitura de forma ilícita.
A assessoria do MPCO informou ao Blog que o órgão não irá se pronunciar sobre o caso, pois está colaborando com a Justiça Federal na investigação.
A última intervenção estadual em Pernambuco foi em Gravatá, no Agreste. Atualmente, o prefeito Bruno Martiniano (sem partido) se encontra afastado, sendo a cidade administrada pelo coronel Mário Cavalcanti, interventor nomeado pelo governador Paulo Câmara (PSB) em 17 de novembro do ano passado.
Em Gravatá, também coube ao MPCO desencadear a intervenção, apresentando um relatório posteriormente aprovado pelo TCE, Ministério Público do Estado e Tribunal de Justiça.
Por Jamildo

PROFESSORA MADALENA FRANÇA COMENTA O BLOCO TODO TEMPO DO VEREADOR LÚCIO RAMOS

O Chão de Orobó Tremeu: Com Deus, a união e a alegria porque a nossa amizade é Todo Tempo...


Hoje só queremos dizer Obrigado Deus! Obrigado Povo Amigo de Orobó!




Deu tudo certo! Um mar de gente ao som dos paredões de Meludo e Dimas doz Erradoz de Serra de Capoeira, invadiram a avenida principal da Cidade de Orobó, encerrando o carnaval 2016, fechando a pauta com "chave de Ouro",amarrando-se com "os laços do coração." Foram horas fazendo o percurso que saiu de frente ao  caldinho do Denis próximo a Manuel de Aprígio até o Fórum da Cidade.Muita euforia, abraços, alegria, sem tirar o pé do chão. Na voz do Chiclete todos ecoaram várias vezes, Sou Praieiro, Chiclete, Erva Venenosa. E o Dimas com a Metralhadora da Alegria atrás, fazia o Chão de Orobó tremer. Além do brilhantismo do Maracatu Cultural da Cidade de Paudalho que contribuiu para a alegoria da festa. Presente de Dui do Bujão!
A união e a alegria é a nossa marca,por que a nossa amizade é "TODO TEMPO". Obrigado Deus, Obrigado povo bom e amigo de Orobó!
Orobó é terra ordeira e do bem. Ontem se notou uma lição de Cidadania, no nosso povo. Mesmo a PMO tendo posto um grande trio e duas ótimas bandas antecedendo a saída do bloco Todo Tempo, não houve nenhum tipo de desavença na passagem da multidão pela quadra. Todos sabem que por trás desse gesto, havia a intenção de prejudicar o nosso bloco, por ter como líderes opositores políticos. Mas não colou. Lúcio pediu ao nosso povo que passasse com respeito, porque a Ordem era a Alegria. A imensa multidão obedeceu de forma linda e foi extremamente MARAVILHOSA  a festa da Amizade.Lúcio em seu sexto ano de bloco, estava RADIANTE. Sua alegria contagiava a multidão. 
No final da festa da paz , um gesto inusitado. O povo como que, em sinal de agradecimento a Virgem Maria, por ter passado tudo em paz, tudo muito lindo e especial ergueram sobre os ombros nosso Vice -prefeito ,Dui do Bujão,  que se esforçou muito junto com Lúcio Ramos, para que nossa festa extravasasse paz e união e com ele nos braços, pularam muito em frente a Matriz. Talvez seja porque ele é nossa esperança de Um Orobó Melhor! 

Juntos todo tempo,  estava nossa turma da união e da gratidão: Amilton do Sintrafe e família, Laércio e sua animada esposa, o amigo Jorgito e sua esposa, Madalena França e família, Dorinha, Carminha ,mãe de Dui, Paulo Brito, Inácio cd, e esposa, Eduardo Rocha, João Lucas e família e milhares de pessoas todos unidos pelo bem comum, paz e a alegria.Tivemos a Cobertura do grande jornalista Pedro Brás da Cidade de Surubim e as belas fotos de Eronildo Barbosa.A eles, nossa gratidão e nosso muito obrigada. O comdeuseaverdade.blogspot.com, esteve presente de corpo, alma e coração.
Este blog, com muita gratidão por ter convidado, anunciado e de certa forma contribuído para o encanto deste evento, vem dizer a todos os Oroboenses e a Deus primeiramente. Muito obrigado!
Escrito por Madalena França.

Imagens Cedidas pelo nosso amigo Eronildo Barbosa:






















































Na Paraíba, prefeita emprega marido, filhos e agregados

A prefeita de Santo André, no Sertão do Cariri, a 255 km de João Pessoa, Silvana Fernandes Marinho (PTdoB), já empregou ou emprega vários parentes na Prefeitura. Nesta quinta-feira (11), o Portal MaisPB teve acesso a uma lista com 15 nomes. Os cargos ocupados são de secretário, assessores, coordenadores, motorista, médico, veterinário, dentre outros.A lista contempla Gilmar Benjamim Dantas, seu esposo, atual secretário de Infraestrutura; e o pai dela, José Herculano Marinho, além de um irmão, médico de Unidade de Saúde. A filha da gestora, Zacchia Hayvolla Fernandes Marinho de Araújo, já ocupou a Secretaria de Saúde. O Portal MaisPB tentou ouvir a prefeita sobre as nomeações, mas ela não atendeu as ligações. 
Em setembro do ano passado, a prefeita assinou decreto demitindo mais de 60 servidores comissionados. Ela justificou as exonerações afirmando que o município passa por uma crise e diminuição drástica nas receitas. Na época, a Prefeitura não informou quanto em dinheiro seria economizado com as exonerações.
Veja a relação a relação dos parentes empregados: 
Gilmar Benjamim Dantas – Secretário de Infraestrutura (esposo da prefeita);
Erileide de Oliveira Lima – Veterinária (prima da prefeita);
Silvana da Silva Pereira – Chefe de Gabinete (cunhada da prefeita);
José Herculano Marinho Irmão – Médico (pai da prefeita);
Roberto Barbosa de Negreiros – Coordenador de Transportes (cunhado do marido da prefeita);
Rosimery Mathias da Silva – Coordenadora Executiva da Agricultura (esposa do tio da prefeita);
Cristiano Moura da Silva – Coordenador Executivo da Procuradoria (cunhado da prefeita – não dá expediente);
Franklin Fernandes Marinho – Assessor Executivo da Infraestrutura (irmão da prefeita – já ocupou a Secretaria de Infraestrutura);
Andreza Leite Matias – Assessora de Apoio (cunhada da prefeita);
Cristina da Silva Pereira – Assessora de Apoio (irmã da cunhada prefeita);
Gildete Benjamim Dantas – Coordenadora da Creche (cunhada da prefeita);
Wilson Herculano Marinho – Motorista (tio da prefeita);
Zacchia Hayvolla Fernandes Marinho de Araújo – Já ocupou a Secretária de Saúde (filha da prefeita);
Zenaldo Fernandes Marinho – Já ocupou as Secretarias de Saúde e Meio Ambiente (irmão da prefeita).
Blog do Magno Martins

Justiça suspende greve de agentes penitenciários

Do Diário de Pernambuco
O desembargador plantonista do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), Josué Antônio Fonseca de Sena, decretou hoje a ilegalidade da greve dos agentes penitenciários de Pernambuco. O magistrado determinou que o Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco (Sindasp-PE) encerre a paralisação e, caso a entidade insista em manter a greve, será obrigada a pagar uma multa diária de R$ 150 mil. O desembargador considerou que a prestação dos serviços são essenciais à população. 
"Serviços públicos desenvolvidos por grupos armados: as atividades desenvolvidas pelos agentes penitenciários são análogas, para esse efeito, às dos militares, em relação aos quais a Constituição expressamente proíbe a greve (art. 142, § 3º, IV)" (RCL 6568, Pleno, rel. Min. Eros Grau, julgado em 21/05/2009, DJe de 25/09/2009). Isso soa óbvio, pois a ninguém, a nenhum grupo, por mais importante que seja sua atuação no âmbito institucional do Estado, é dado o direito de, sob fundamento de necessidades na melhoria nas condições de trabalho ou de remuneração, como se vê na espécie, se utilizar desse instrumento fundamental para, às vésperas das tradicionais festividades carnavalescas em nosso Estado, mediante paralisação total de suas atividades essenciais à segurança dos presídios pernambucanos, forçar a obtenção desses benefícios, em detrimento da prevalência do interesse público", diz em sua decisão.
O desembargador afirma ainda que se a categoria insistir, poderá inclusive ter o desconto na remuneração aos dias parados. Os agentes penitenciários de Pernambuco prometeram cruzar os braços a partir da manhã do próximo domingo, dia 14, quando normalmente ocorrem as visitas familiares. Cerca de 1,5 mil servidores, lotados na Secretaria de Ressocialização (Seres), que atuam no sistema prisional do estado, participam do movimento. A intenção é protestar contra a falta de condições de trabalho. Os agentes pretendem fazer visitas nas 21 unidades prisionais do estado. O sindicato informou que ainda não foi notificado a respeito da decisaão judicial. 

Saneamento é o tema da Campanha da Fraternidade

Da Folha de São Paulo
No momento em que o país enfrenta uma epidemia de casos de zika –e o aumento do registro de crianças com microcefalia– a Campanha da Fraternidade de 2016 terá como foco a necessidade de saneamento básico para toda a população.
A iniciativa foi lançada nesta quarta-feira (10), em parceria entre a CNBB (Confederação Nacional dos Bispos do Brasil) e o Conic (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs). "A falta de saneamento básico mata. A nossa família comum está sofrendo e morrendo por causa das enfermidades transmitidas pelo mosquito", disse Dom Sergio da Rocha, presidente da CNBB.
O esgoto a céu aberto, o lixo nas ruas e o armazenamento incorreto da água são apontados por especialistas como principais fatores para a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da zika, dengue e chikungunya.
O ministro Gilberto Kassab (Cidades) reconheceu que o Brasil "ainda está aquém" da oferta adequada de saneamento básico. "Por mais que nos últimos anos tivemos melhorias, ainda deixamos a desejar", disse o ministro, presente à cerimônia. Ele ponderou que, hoje, o combate ao mosquito é a "prioridade absoluta" do governo federal.
Em mensagem encaminhada à campanha no Brasil, o papa Francisco defendeu o envolvimento de "governantes e toda a sociedade". "Todos nós temos responsabilidades com nossa casa comum", diz o texto. O lema da campanha deste ano é "Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca". 

Azeredo escancara a ética seletiva do tucanato

Josias de Souza
Cada vez que Eduardo Azeredo dá uma de joão sem braço no processo sobre o mensalão tucano de Minas Gerais realça a vergonha do PSDB, que precisa explicar por que ainda mantém nos seus quadros o filiado tóxico. No seu penúltimo movimento, Azeredo recorreu contra a sentença que o condenou a 20 anos e dez meses de cadeia por peculado e lavagem de dinheiro. Signatária da condenação, a juíza Melissa Costa Lage, da 9ª Vara Criminal de Belo Horizonte, refugou as alegações do grão-tucano, reiterando a pena de reclusão. Vem aí um novo recurso.
Apostando na infinidade de recursos que a legislação brasileira lhe faculta, Azeredo já não ambiciona propriamente uma absolvição. Em liberdadade, ele persegue a prescrição. Foi por essa razão que se retirou da cena brasiliense pela porta dos fundos. Renunciou ao mandato de deputado federal para fugir de uma condenação no STF, forçando o envio do processo à primeira instância do Judiciário. No Supremo, não haveria a mamata dos recursos em série. A exemplo do que sucedeu com os mensaleiros petistas, Azeredo já teria amargado uma temporada atrás das grades.
O PSDB ainda não chamou Azeredo de “heroi do povo brasileiro”. Mas chegou muito perto disso ao afirmar, em nota oficial, que a sentença de 20 anos imposta ao seu ex-presidente nacional “surpreendeu” o partido, que “conhece a trajetória política e a correção que sempre orientou a vida do ex-senador e ex-governador.'' A legenda disse estar “confiante de que, nas instâncias superiores'', Azeredo conseguirá expor as “razões de sua inocência'', obtendo uma “reavaliação da decisão''. Até lá, o tucanato conena-se a praticar, escancaradamente, a ética seletiva.

Renan usa pautas econômicas para driblar investigações

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), voltou a adotar a tática de tentar pautar assuntos polêmicos ligados à agenda da economia para se afastar de investigações que o envolvem diretamente. A tática foi colocada em prática no retorno do recesso parlamentar, na semana passada, quando ele anunciou ter eleito como prioridade de 2016 as propostas que desobriga a Petrobrás de ser a operadora única na exploração da camada do pré-sal e que dá independência para a escolha do presidente e dos diretores do Banco Central.
Coincidentemente, Renan foi acossado durante a pausa dos trabalhos legislativos por revelações da Operação Lava Jato, do qual é alvo de seis inquéritos no Supremo Tribunal Federal, e mais recentemente com a possibilidade de virar réu na mesma Corte por peculato (desvio de dinheiro público), falsidade ideológica e uso de documento falso no escândalo de 2007, em que é acusado de ter recebido propina da Mendes Júnior para pagar despesas pessoais em troca de emendas parlamentares para a empreiteira. Esse último caso levou-o a renunciar na época ao comando do Senado para evitar ter o mandato cassado.
Numa mudança de sinal em relação ao ano passado, o governo topa ao menos discutir o projeto de autoria do senador José Serra (PSDB-SP) que acaba com a participação exclusiva da Petrobrás na exploração do pré-sal. Contudo, continua frontalmente contrário à concessão de autonomia legal ao BC. Na próxima semana, o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) já avisou a Renan que apresentará outros assuntos para discussão com a pauta sugerida pelo peemedebista. "Essa agenda aqui que ele quer nos oferecer nós não vamos aceitar", afirmou.
Ao menos por ora, não há qualquer movimento entre partidos governistas - em especial do PT - de pedir a saída do presidente do Senado do cargo. A avaliação principal é que Renan se tornou o principal aliado do governo no Congresso e há muitos iguais a ele, envolvidos na Lava Jato na Casa. Diante de pautas delicadas, o governo precisa sempre tê-lo por perto para conversar.
Questionado diretamente sobre as acusações, o presidente do Senado responde, sempre negando as suspeitas, ter prestado todos os esclarecimentos e estar à disposição da Justiça. Na semana passada, ele se calou duas vezes ao ser perguntado se fica no cargo mesmo se virar réu no caso da Mendes Júnior.
Inicialmente, Renan pode ser premido em plenário a dar explicações sobre as acusações que o envolvem. "Obviamente que vai ter um movimento de pressão para que haja um esclarecimento (sobre as denúncias)", disse o senador Walter Pinheiro (PT-BA), embora tenha ressalvado considerar difícil no momento a abertura de um processo de cassação contra Renan no Conselho de Ética com base em vazamentos da Lava Jato. Para o petista, se isso ocorresse, mais de dez senadores teriam de responder perante o colegiado por estarem em situação idêntica.

Raul Henry ficará à frente do Governo do Estado até domingo

Logo após passar por Bezerros, domingo passado, (7), para assistir ao desfile dos “Papangus”, última etapa de sua programação carnavalesca, o governador Paulo Câmara (PSB) transmitiu cargo para o vice Raul Henry e viajou com a família para uma semana de descanso.
O governador abriu o carnaval de Olinda na quinta-feira (4), o do Recife na sexta (5), foi ao Galo da Madrugada no sábado (6) e aos Papangus de Bezerros no domingo (7).
Ao lado alguns secretários e do prefeito Severino Otávio (PSB), o governador acompanhou de perto a irreverência dos foliões.
Este ano, o Governo do Estado investiu R$ 15,5 milhões no Carnaval. Além dos 14 pólos espalhados por todas as regiões do Estado, 60 municípios realizaram carnaval.
O Estado apoiou as festas de Nazaré da Mata, Timbaúba, Paudalho, Chã de Alegria, Tamandaré, Vitória de Santo Antão, Catende, Surubim, Garanhuns, Belém de São Francisco, Triunfo, Ipojuca e Itamaracá.
“A parceria entre o Governo do Estado e as prefeituras foi fundamental para a promoção dos festejos. Mas, acima de tudo, tenho que agradecer o apoio do povo, que foi, mais uma vez, o grande responsável pela realização do carnaval de Pernambuco”, disse o governador. Por Inaldo Sampaio

Prefeita de Condado sofre agressão de ex-prefeito

A terça-feira de Carnaval ficará marcada para sempre na memória da prefeita de Condado, Sandra Félix da Silva (PSDB). O que para ela era seria apenas alegria virou um momento de verdadeiro terror. Enquanto descansava em casa com a família e amigos, a tucana foi surpreendida por uma multidão que tentava entrar em sua casa. "Foi por volta das 19h30m. Eram centenas de pessoas jogando pedras, empurrando o portão. Depredaram meu carro. Fiquei desesperada. Eles conseguiram arrombar o portão, mas a polícia chegou na hora e conseguiu impedir o pior", relatou em sua página no Facebook.  
Para acrescentar: "Felizmente, a agressão foi apenas psicológica sem danos materiais", contou Sandra, ainda em estado de choque. O tumulto, segundo ela, foi motivado porque um tradicional bloco carnavalesco foi impedido de circular pelas ruas da cidade, localizada a 58 km do Recife. A agremiação desfilou no último domingo, mas não obteve autorização para também sair ontem, porque não fez o aviso prévio, uma exigência da Secretaria de Defesa Social e Prefeitura.
Insatisfeitos com a proibição, os foliões seguiram para a casa da prefeita e iniciaram o quebra-quebra. Duas pessoas foram presas.
Ao blog, Sandra afirmou que registrará amanhã um Boletim de Ocorrência (BO) na Delegacia da cidade. Ela acusa o ex-prefeito de Condado, Egberto Quental (sem partido), de ter incitado a população à confusão. Ele é um dos fundadores do bloco Doutorzinho, que não pôde desfilar ontem.
A agremiação existe há 12 anos. "No domingo, quando o bloco saiu, o ex-prefeito havia dito que na terça-feira faria uma surpresa. O bloco sairia novamente, mas desta vez com dois trios elétricos e uma banda. Mas, no meio da rua, a polícia não deixou continuarem o percurso porque não solicitaram autorização. Ele disse para a população que eu tinha proibido o bloco e mandou irem na minha casa", disse Sandra.
Ela afirmou ter provas, como gravações, e acrescentou que vai junta-las ao boletim de ocorrência. Com relação ao prejuízo material, a prefeita informou que ainda não conseguiu levantar os valores. Além de danos na casa e no carro dela, dois carros que estavam estacionados na frente da casa de Sandra foram depredados. Após o susto, a prefeita disse que seu sentimento é de tristeza. "Meus amigos, o que aconteceu em nossa cidade na última noite de Carnaval foi simplesmente inaceitável", escreveu. A reportagem não conseguiu contato com o ex-prefeito.  Blog do Magno Martins

JN perdeu 28% da audiência em quatro anos

     :
Principal telejornal da TV Globo, comandado por William Bonner, perdeu 28% de seus telespectadores entre 2012 e 2015; participação do programa no universo dos televisores ligados caiu de 53,7% em 2012 para 38,9% no ano passado, nas 15 principais regiões metropolitanas do Brasil; O "JN" está perdendo público para seus concorrentes diretos: desde 2012, o share do "Jornal da Record" cresceu 91%, enquanto o telejornal do SBT também cresceu 3%; já o "Jornal da Band" percentualmente cresceu 49%; sem falar na participação da TV Paga, que saiu de 13,3% para 20,5% em 2015 no horário do JN

Governador manda tirar nome de Sarney de escolas

Da Folha de S.Paulo - Daniele Belmiro
Sete escolas estaduais do Maranhão batizadas em homenagem ao ex-presidente José Sarney tiveram os nomes alterados por um decreto assinado pelo governador Flávio Dino (PC do B).
No total, o nome de 37 escolas que homenageavam pessoas vivas foram trocados por nomes de professores, políticos, religiosos e poetas que já morreram, como os ex-deputados João Evangelista e Júlio Monteles.
A filha de Sarney, a ex-governadora Roseana Sarney, e mulher dele, Marly Sarney, também perderam as homenagens. O nome de Roseana batizava três escolas, e o de Marly, uma.
O decreto foi publicado no "Diário Oficial do Estado" no último dia 14 de janeiro.
Outro nome próximo ao clã Sarney, o do senador Edison Lobão, que é ex-governador do Estado e ex-ministro de Minas e Energia, foi retirado de quatro locais.
Há um ano, quando assumiu o governo do Maranhão, Dino assinou um decreto que proibia que bens públicos do Estado recebessem o nome de pessoas vivas ou responsabilizadas por violações aos direitos humanos durante o regime militar.
No caso das pessoas vivas, a medida não era retroativa, de modo que Sarney continuava a dar nome a pelo menos 160 escolas do Maranhão, além de bibliotecas e obras viárias em todo o Estado.
Com o novo decreto, os nomes do ex-vice-governador do Maranhão e atual senador João Alberto de Souza, do ex-governador João Castelo, da ex-secretária de Educação Leda Tajra, do ex-vice-presidente Marco Maciel e do ex-deputado federal Magno Bacelar também foram apagados da fachada de centros de ensino. O poeta maranhense e membro da Academia Brasileira de Letras Ferreira Gullar também deixou de ser homenageado.

Estupro: folia de prefeito médico foi na cadeia

Foto de O Imparcial
Leandro Mazzini – Coluna Esplanada
A Justiça negou soltura na sexta-feira do prefeito de Santa Inês (MA), José de Ribamar (PSB), preso sábado passado.
Cardiologista e casado, ele convidou uma jovem de 18 anos, vendedora de livros, para, digamos, uma aula de anatomia no motel.
Ela foi, mas não gostou e o denunciou.
O advogado do prefeito não nega à Polícia o ato sexual, mas informa que foi consentido com a jovem.

Máfia da Merenda: deputado abriria caminhos

Da Folha de S.Oaulo - Reynaldo Turollo JR
Grampos feitos pela Operação Alba Branca, que investiga fraude na venda de merenda a prefeituras e ao governo Geraldo Alckmin (PSDB), mostram que um lobista da cooperativa que está no centro das apurações citou o deputado estadual Luiz Carlos Gondim (SD) como alguém que abriria mercados. Além de Gondim, foram citados pelos investigados o presidente da Assembleia Legislativa, Fernando Capez (PSDB), e os deputados federais Baleia Rossi (PMDB) e Nelson Marquezelli (PTB) –os dois últimos, mencionados nos grampos. Ex-dirigentes da Coaf também acusam Duarte Nogueira (PSDB), hoje secretário de Transportes, de receber propina. Todos negam participação em irregularidades.
Gondim é mencionado em ao menos duas ligações telefônicas feitas por Marcel Ferreira Julio, apontado como lobista da Coaf (Cooperativa Orgânica Agrícola Familiar) junto ao governo do Estado. Marcel é filho do ex-deputado Leonel Julio, o que lhe rendeu contatos políticos, de acordo com as investigações.
Em uma das menções, Marcel diz a uma mulher não identificada que irá intermediar o contrato entre a Coaf e a Prefeitura de Mogi das Cruzes (SP) no próximo ano, pois Gondim está à frente nas pesquisas para a prefeitura da cidade neste ano.
Em outro diálogo, é dito que Gondim "abriu um monte de prefeituras". O interlocutor, não identificado, está falando do gabinete de Gondim, segundo a polícia.
Em 2012, Gondim fez uma série de proposições na Assembleia Legislativa para tornar a laranja e seu suco obrigatórios na merenda. O suco de laranja é o produto que a Coaf fornece desde o ano passado à Secretaria da Educação do governo Alckmin.
O deputado estadual Luiz Carlos Gondim, do partido Solidariedade

Advogado é preso no Recife por fumar dentro de avião

Do JC Online
O crime é inafiançável. O homem foi levado para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, no Grande Recife
Um advogado de 58 anos foi preso no Aeroporto Internacional do Recife por fumar dentro de um avião da Avianca que vinha do Rio de Janeiro para o Recife, na madrugada da terça-feira (9). O homem, que não teve o nome divulgado, foi levado para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, no Grande Recife. 
De acordo com relatos da comandante e de um comissário de bordo, durante o voo, o advogado havia pedido bebida alcoólica, que é indisponível, e exalava um forte cheiro de cigarro. Em seguida, ele foi ao banheiro, e quando saiu, um comissário encontrou resto de cigarro boiando na privada. Como um outro passageiro precisava utilizar o banheiro, ele deu descarga e não foi possível recolher a prova. O homem foi alertado sobre a proibição, mas durante o pouso, ele foi novamente até o banheiro fumar. Quando sentiu o cheiro, um comissário fez uma vistoria no local e recolheu resquícios de cigarro.
O advogado foi abordado e respondeu ironicamente que sabia do crime que havia cometido. Após o pouso do avião, ele foi retirado pela Polícia Federal sem ter oferecido nenhuma resistência e autuado em flagrante por “expor a perigo embarcação ou aeronave". O crime é inafiançável, e caso seja condenado, o advogado pode pegar pena que varia de dois  a cinco anos de reclusão.
O fumo foi proibido nas aeronaves em junho de 1996 em uma resolução aprovada pela Organização Internacional de Aviação Civil (ICAO), por motivos de segurança, sanitários e econômicos.

Vírus da zika tem disseminação mais rápida que o da dengue, diz Fiocruz…

Cas_ArbWEAA9kaD

Identificado pela primeira vez no Brasil em abril de 2015, o vírus da zika tem um poder de disseminação muito maior que o vírus da dengue, segundo o vice-presidente da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Rodrigo Stabile. “Se a gente comparar os índices de espalhamento das duas doença, vê que o que o vírus da zika se espalha muito rapidamente”, disse Stabile segunda-feira (8), em Ribeirão Preto (SP),cidade que possui mais de 800 casos suspeitos da zika em 2016 e que vive epidemia de dengue.

A comparação feita pelo pesquisador é baseada no tempo de propagação de epidemias desse tipo de doença no território brasileiro.“A gente teve a primeira epidemia de dengue no Rio de Janeiro e a gente levou um ciclo de 5 anos para poder atingir todo o país, e vemos o vírus da zika atingindo o mesmo patamar em menos de um ano”, afirmou.

De acordo com o vice-presidente da Fiocruz, um dos motivos para a disseminação mais rápida da doença é a fácil adaptação do vírus.“É bastante adaptado ao ser humano e um vírus bastante adaptado ao seu vetor de transmissão, o Aedes aegypti, mostrando que ele se transmite de forma rápida”, disse Stabil.  Na sexta-feira (5), a Fiocruz anunciou que que o vírus da zika foi encontrado de forma ativa na urina e na saliva de pacientes com sintomas compatíveis ao da doença. Isso comprova a atividade viral, segundo os cientistas. Ainda assim, pesquisas aprofundadas serão necessárias para comprovar se necessariamente haverá infecção através de fluidos. (G1)

Campanha da Fraternidade Ecumênica alerta para desafios do saneamento básico…

CF2016

Realizada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e pelo Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (Conic), a Campanha da Fraternidade Ecumênica 2016 terá como tema “Casa comum, nossa responsabilidade” e lema “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca” (Am 5.24), com foco no saneamento básico, desenvolvimento, saúde integral e qualidade de vida aos cidadãos.

“Em sintonia com o Conselho Mundial das Igrejas e com o papa Francisco, sobretudo depois que ele lançou a encíclica Laudato Si’, a Campanha da Fraternidade chama a atenção sobre o atual modelo de desenvolvimento que está ameaçando a vida e o sustento de muitas pessoas, sobretudo dos mais pobres”, explica o bispo de Barra do Piraí-Volta Redonda (RJ) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Ecumenismo e o Diálogo Inter-Religioso da CNBB, dom Francisco Biasin. Ele destaca que o atual modelo econômico, baseado no lucro, deve mudar, pois não favorece a biodiversidade e o desenvolvimento sustentável para a humanidade.

Chegando as eleições…

eleições

Passada a folia do Carnaval, as atenções no setor político são voltadas para o pleito eleitoral deste ano. O calendário das Eleições Municipais 2016, aprovado pelo Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em novembro do ano passado, incorpora as modificações introduzidas pela Lei 13.165, aprovada pelo Congresso Nacional em 29 de setembro de 2015. O calendário contém as datas do processo eleitoral a serem respeitadas por partidos políticos, candidatos, eleitores e pela própria Justiça Eleitoral.

Conforme o previsto na Constituição Federal, a eleição será no dia 2 de outubro, em primeiro turno, e no dia 30 de outubro, nos municípios onde houver segundo turno. Os eleitores vão eleger os prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos municípios brasileiros. É importante estar atento aos novos prazos e datas. 

Quem quiser concorrer aos cargos eletivos deste ano deve correr contra o tempo, já que o prazo máximo para se filiar a um partido político é até o dia 2 de abril de 2016, ou seja, seis meses antes da data das eleições.

As convenções para a escolha dos candidatos pelos partidos e a deliberação sobre coligações devem ocorrer de 20 de julho a 5 de agosto de 2016.

Os pedidos de registro de candidatos devem ser apresentados pelos partidos políticos e coligações ao respectivo cartório eleitoral até às 19 h do dia 15 de agosto de 2016.

A campanha eleitoral foi reduzida de 90 para 45 dias, começando em 16 de agosto. O período de propaganda dos candidatos no rádio e na TV também foi diminuído de 45 para 35 dias, tendo início em 26 de agosto, em primeiro turno.

O dia 4 de maio é a data limite para o eleitor requerer inscrição eleitoral ou transferência de domicílio. Também é o último dia para o eleitor que mudou de residência dentro do município pedir alteração no seu título eleitoral e para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar sua transferência para Seção Eleitoral Especial.

Unidos de Vila Isabel termina desfile no Rio sob aplausos de 'é campeã!'

Foto: G1/Reprodução
Do JORNAL DO BRASIL
charlesnasci@yahoo.com.br

O samba-enredo em homenagem ao centenário de Miguel Arraes levantou os ocupantes da avenida, que acompanhavam o desempenho da escola. Faltando dois setores para o fim da pista de desfile, o intérprete do samba-enredo da Vila Isabel parou de cantar e pediu para o público entoar o samba, e a reposta veio de imediato, com um canto forte. O compositor Martinho da Vila, que além de ter proposto o enredo é um dos autores do samba, acompanhou emocionado a chegada das alas e das alegorias na dispersão da escola. "É uma emoção muito grande. Dá uma sensação de missão cumprida. Foi uma beleza", disse.

Bira do Banjo, que há 20 anos pertence à ala de compositores da Vila Isabel, não aguentou e caiu em prantos no fim do desfile "Eu sou nascido na Vila Isabel. A gente passa por uma série de problemas e a Vila está aí, e quem é sabe! Então, ver a escola passar assim é empolgante. Como compositor eu tenho uma história, e quando você vê os amigos, todo mundo unido, desculpe, a gente chora", contou. Bira disse que quando entrou para a Vila era empurrador de carros, depois passou para a bateria e harmonia da escola.
Foto: G1/Reprodução
Também sem conter a emoção estava o presidente da escola, Luciano Ferreira, que explicou o motivo do envolvimento dos componentes da escola, que contribuiu para o desfile. "Eu tenho uma caminhada aguerrida, só isso que posso dizer", completou, chorando. O presidente disse ainda que o enredo se encaixou bem no estilo da escola. "Tinha tudo a ver com o momento da escola, a comunidade abraçou o enredo. Os componentes nos nossos ensaios mostravam a cada dia um canto melhor. Eu acreditei neles e vou sempre acreditar na minha comunidade", concluiu.
Foto: G1/Reprodução

BC quer recuperar R$ 7 bilhões de grandes devedores

:
Banco Central espera recuperar R$ 6,97 bilhões de grandes devedores da instituição até setembro deste ano; na lista de devedores estão corretoras de câmbio, empresas de importação e exportação, times de futebol e pessoas físicas; "Mas há também dívidas de maior valor provenientes de contratos celebrados no âmbito do Proer", informou o procurador-geral do BC, Isaac Ferreira; criado em 1995 pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o Programa de Estímulo à Reestruturação e ao Fortalecimento do Sistema Financeiro Nacional investiu cerca de 2,5% do PIB em bancos falidos, que nunca foram restituídos ao Tesouro

Lei de Responsabilidade Fiscal já ameaça 20 Estados

Wilson Dias/Agência Brasil: <p>Brasília - Reunião de Governadores para discutir saídas para enfrentar a crise econômica e levantar os principais problemas enfrentados pelos estados (Wilson Dias/Agência Brasil)</p>
Queda de receita em 2015 foi de quase R$ 30 bilhões, o que provocou atraso no pagamento de salários de servidores e na dívida com a União; vinte Estados, incluindo São Paulo, ultrapassaram limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal e podem ficar impedidos de fazer contratações e as transferências federais podem ser cortadas; em São Paulo, o grau de endividamento pulou de 148% de sua receita corrente líquida em 2014 para 168%

RUSSOMANNO LIDERA EM PESQUISA E PSDB FICA EM 4°

:
Na pesquisa encomendada pelo PSDB ao Instituto GPP, que projeta tucanos em quarto lugar, Celso Russomanno (PRB) é líder isolado em todos os cenários testados, com índices de intenção de voto que variam de 34,6% a 35,9%; Marta Suplicy (PMDB) fica segundo lugar, com 14,6%; Em terceiro está o prefeito Fernando Haddad (PT), com 9,5%; o candidato do PSDB sairá das prévias marcadas para 28 de fevereiro, na disputa entre o deputado federal Ricardo Tripoli, o vereador Andrea Matarazzo – que tem apoio de Serra e FHC - e o empresário João Doria, aliado do governador Geraldo Alckmin.

247 - Na pesquisa encomendada pelo PSDB ao Instituto GPP, Celso Russomanno (PRB) é líder isolado em todos os cenários testados, com índices de intenção de voto que variam de 34,6% a 35,9%.
Marta Suplicy (PMDB) fica segundo lugar, com 14,6%. Em terceiro está o prefeito Fernando Haddad (PT), com 9,5%.
Tucanos só aparecem em quarto lugar. O candidato do PSDB sairá das prévias marcadas para 28 de fevereiro, na disputa entre o deputado federal Ricardo Tripoli, o vereador Andrea Matarazzo – que tem apoio de Serra e FHC - e o empresário João Doria, aliado do governador Geraldo Alckmin.
A pesquisa foi realizada nos dias 23 e 24 de janeiro, com 816 pessoas, e divulgada pela colunista Natuza Nery.