OROBÓ: BLOG DO MANUEL MARIANO "O HOMEM DA VIOLA"

CONVITE DO SINTEPE OROBÓ

O Sintepe convoca todos os PROFESSORES EFETIVOS para participarem de uma reunião hj às 3h na Câmara Municipal de Vereadores, pois haverá MUDANÇAS e REFORMAS em nossa PREVIDÊNCIA e PERCAS referentes ao PÓ DE GIZ.
Isso não pode acontecer, o PÓ DE GIZ é DIREITO NOSSO ADQUIRIDO. Por isso a PRESENÇA de TODOS é de suma importância.
A CLASSE UNIDA SE TORNA MAIS FORTE!

Governo antecipa prazos do IPVA para veículos usados

Decreto
DecretoFoto: Reprodução/DO
O Governo de Pernambuco publicou um decreto no Diário Oficial que dispõe sobre o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), exercício de 2017, relativo a veículos usados. De acordo com as informações disponíveis no DO de 6 de dezembro, publicado nesta quarta-feira (7), a primeira cota do IPVA passa a ser cobrada já em janeiro. 

De acordo com o Artigo 2º do decreto nº 43.866, a norma entra em vigor na data de sua publicação e produz efeitos a partir de 1º de janeiro de 2017. 

Os proprietários devem ficar atentos. Quem tiver veículos com a placa terminada em 1 e 2, a primeira cota tem o prazo estabelecido para 17 de janeiro. A última cota para todos os veículos vence em março. Por blog da folha/PE

Vereadores de Camaragibe aprovam Lei da Ficha Limpa

Resultado de imagem para Lei da Ficha Limpa
Imagem Ilustrativa
Proposta é de autoria do vereador Daniel Passos, da Rede

Por: Branca Alves 

A Câmara de Vereadores de Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife, aprovou, nessa terça-feira (6), o Projeto de Lei que institui a “Ficha Limpa” na nomeação de cargos comissionados para a administração direta, indireta e fundacional no Executivo e Legislativo do município. Agora, a Lei segue para sanção do prefeito da cidade. 

Entre os artigos da Lei está a vedação de ocupar qualquer cargo de provimento em comissão de quem tenha sido condenado pela prática de situações, que de acordo com a legislação eleitoral, configurem a hipótese de inelegibilidade. Essa vedação não se aplicará aos crimes culposos, de menor potencial ofensivo e de ação penal privada. 

A Lei também institui que antes de qualquer nomeação, a pessoa indicada obrigatoriamente apresente declaração de regularidade perante as esferas competentes. Além disso, ficará impedido de assumir os cargos qualquer agente público que teve sua conta rejeitada nos últimos dez anos. 

“A Lei da Ficha Limpa já é uma realidade em nosso Estado e País, e agora será em nossa cidade. Vamos ampliar as regras visando que o serviço público seja gerido por pessoas íntegras, garantindo para a população que os nossos recursos serão utilizados sempre de forma séria e segura”, defendeu o vereador Daniel Passos (Rede), autor da proposta, na tribuna.

REQUIÃO DENUNCIA APOSENTADORIA DE MARAJÁ DE MEIRELLES: R$ 250 MIL/MÊS

Valter Campanato/Agência Brasil

“Vejo no Google que a aposentadoria de Meirelles no Boston Bank e de R$ 250.000 por mês. Ele quer acabar com a sua aposentadoria”, denunciou o senador do PMDB
O senador Roberto Requião (PMDB-PR) abriu fogo nesta terça (6) contra o ministro da Fazenda Henrique Meirelles. Segundo o parlamentar, o homem que pretende que os trabalhadores morram sem ter direito à aposentadoria tem o benefício mensal de R$ 250 mil.
“Vejo no Google que a aposentadoria de Meirelles no Boston Bank e de R$ 250.000 por mês. Ele quer acabar com a sua aposentadoria”, denunciou o senador do PMDB.
O internauta José Cristiano Daudt interagiu com o parlamentar: “o problema não ele querer acabar com a minha, mas acabar com a minha para poder pagar + juro pra o Banco pagar a dele.”
Não é só Meirelles que quer acabar com a aposentadoria dos trabalhadores e têm vencimentos de marajá, conforme registrou mais cedo o Blog do Esmael.
O caso do ilegítimo Michel Temer (PMDB) também é muito escandaloso, pois ele se aposentou pelo governo de São Paulo aos 55 anos com aposentadoria de R$ 30 mil. O “presidente” ainda acumula vencimentos do cargo, mais R$ 27,8 mil ao mês.
meirelles_requiao
Outro demagogo que advoga o fim da aposentadoria do povo pobre é o chefe da Casa Civil, ministro Eliseu Padilha, que “pendurou as chuteiras” aos 53 anos, em 1999, com salário de R$ 19,3 mil pagos pela Câmara. Ele ainda recebe R$ 30,9 mil.
Ou seja, esse governo de marajás não tem moral para acabar com o direito de aposentadoria do nosso povo trabalhador.
Que tal eles começassem a dar o exemplo, limitando suas respectivas aposentadorias às leis que propõem para todos os comuns mortais?

Mello Franco: aposentado aos 55, Temer pede a você 49 anos de contribuição

:

247 – O colunista Bernardo Mello Franco, em artigo publicado nesta quarta-feira, critica a reforma da previdência de Michel Temer, que se aposentou precocemente aos 55 anos de idade.
"O governo quer obrigar os brasileiros a contribuir durante 49 anos para ter direito à aposentadoria integral. Temer obteve o benefício aos 55 anos de idade. Pela regra que deseja impor aos outros, ele precisaria ter começado a trabalhar aos 6, o que o impediria de frequentar as aulas de alfabetização", diz ele.
Pelas regras da reforma, só quem contribuir durante 49 anos terá direito ao benefício integral. Além disso, as pensões serão desvinculadas do salário mínimo.
Abaixo, vídeo sobre a aposentadoria precoce de Temer:

O “pacote” da Câmara Federal

O deputado Tadeu Alencar (PSB), que é também procurador licenciado da Fazenda Nacional, cita alguns avanços aprovados pela Câmara na votação do “pacote anticorrupção” do Ministério Público: a criminalização do “caixa dois” e da “venda” do voto, e a transformação da corrupção em crime hediondo. O que não dava para fazer, diz ele, era transformar a luta contra a corrupção num “vale tudo”.
Doideira – Do ministro Gilmar Mendes sobre a liminar de Marco Aurélio pelo afastamento de Renan Calheiros da presidência do Senado: “No Nordeste se diz que não se corre atrás de doido porque não se sabe para onde ele vai”. Ele acha que Marco Aurélio endoidou de vez quando tomou esta decisão.
Cidadão – A Câmara Municipal de Olinda fará sessão solene, amanhã, às 19h, para a entrega do título de cidadão ao deputado federal André de Paula (PSB), projeto do vereador Jonas Ribeiro (PRB).
Carnaval – O prefeito eleito de Olinda, Professor Lupércio (SD), pediu apoio ao Governo do Estado para o carnaval de 2017, e terá. Mas, por causa da crise, o valor será inferior ao deste ano.
Grita – Prefeitos em final de mandato, que a Amupe reuniu ontem em Gravatá, focaram suas queixas num único alvo: o FEM do Governo do Estado. Muitos ainda não receberam parcelas de 2014.
70 anos – A Casa Militar do Governo do Estado completou 70 anos e um dos homenageados foi o coronel Mário Cavalcanti, que a comandou por 9 anos, sem contar o período em que trabalhou como ajudante-de-ordens de Miguel Arraes. Hoje, o coronel exerce as funções de interventor de Gravatá (até 31/12).
Previdência – Tal como foi enviado ao Congresso, o projeto de reforma da Previdência não passará, mas há margem para negociação. A questão da idade mínima, por exemplo. O governo propõe 65 anos para homens e milhares, mas pode cair para 62 como é hoje na França e nos Estados Unidos.
Segurança – Mais de 100 mil pessoas passaram domingo, por Santa Cruz do Capibaribe, para comprar tecidos no Moda Center (maior shopping popular do país). De olho na “bandidagem”, que não tem dado trégua aos compradores de outros estados, o prefeito reeleito Édson Vieira (PSDB) se articulou com as Polícias Civil e Militar e lançou um “Plano de Segurança”, que será executado pelo tenente-coronel Sena (secretário de Defesa Social). Por Inaldo Sampaio

Pernambuco: grupo de oposição está armando para 2018

De Marisa Gibson. na coluna DIARIO POLíTICO desta quarta-feira:
As conversas entre os ministros das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), da Educação, Mendonça Filho (DEM), e o senador Armando Monteiro Neto (PTB), que sinalizam para a formação de um bloco de oposição ao Governo Paulo Câmara, são mais frequentes do que se imagina.
A chapa da oposição para 2018, cujo esboço é desenhado por muitos, teria Bruno Araújo ou Armando Neto como candidato a  governador. Há apenas uma condição: o senador petebista tem que se afastar formalmente do PT. Sem isso, não tem acordo.
Recentemente, o deputado federal Jarbas Vasconcelos (PMDB) admitiu ser possível uma reaproximação do PSDB e do DEM com Paulo Câmara em 2018. “Mas dependendo do desenrolar de 2017, Jarbas é quem virá para o nosso lado”, aposta um tucano.
Dos cinco deputados federais do grupo de Armando só Sílvio Costa (PTdoB) é contra uma aliança do senador  com o PSDB. Os demais, Ricardo Teobaldo (PTN),  Adalberto Cavalcanti (PTB), Zé Cavalcanti (PTB) e Jorge Côrte Real (PTB) são a favor.

Comerciante bem-sucedida, Célia não vive da politica

ARCOVERDE (PE) – Natural de Buique, cidade vizinha, Célia Almeida, 60 anos, tem cinco filhos, sendo três adotivos. Chegou a Arcoverde com nove anos de idade, porque o pai, sapateiro, buscou a cidade por ser mais desenvolvida, com clientela maior para garantir o que perseguida: o sustento da sua família. Embora esteja há 28 anos com mandato, percebendo salário de R$ 10 mil, a parlamentar não é política profissional nem depende da atividade para sobreviver.
Antes mesmo de ingressar na vida pública nos anos 80, já era uma comerciante bem-sucedida no ramo de confecções, onde tem uma loja, aberta há 42 aos, funcionando até hoje no centro da cidade com uma boa clientela. Chegou a abrir uma fábrica de confecções que funcionou por muito tempo, com filiais no Recife e clientes até na Grécia. “Minhas roupas chegaram a ser exportadas numa época em que havia um mercado bastante lucrativo”, destaca.
Nas eleições em que disputou, Célia teve 651 votos em 88, elegendo-se pela primeira vez vereadora pelo PTB.  Em 92, já filiada ao PFL, sua votação caiu para 586 votos, mas o suficiente para garantir a reeleição. Em 96, no PDT, teve 1.479 votos e em 2000 saiu das urnas como a mais votada – 1.736 votos, desta feita de volta ao PFL. Em 2004, já no PMDB, obteve 1.155 votos, em 2008, no PR, 1.047 votos. Em 2012, também no PR, 2.016 votos e agora 1.438 votos, sendo filiada ao PSB.
Ao longo dos sete mandatos anteriores, a vereadora presidiu a Casa por um mandato e está se articulando para ser eleita presidente no próximo biênio, cuja eleição está marcada para 1 de janeiro, data da sua posse para o exercício do oitavo mandato. “A Câmara voltará a ter uma mulher-presidente para trabalhar com uma mulher-prefeita”, brinca.
HISTÓRIA –

Vereadora pioneira emplaca 8º mandato



ARCOVERDE (PE) – Há quase três décadas, quando no Nordeste falar em mulher na política era piada pronta, especialmente pelo acentuado machismo observado na vida pública, em Arcoverde, a 250 km do Recife, a chamada porteira do Sertão, a destemida Célia Almeida, então com 32 anos, filiada ao PTB do saudoso Getúlio Vargas, quebrou o tabu elegendo-se vereadora. Deixou muitos concorrentes adeptos da velha política coronelista para trás respaldada pelo voto democrático de 651 arcoverdenses.
Decorridos 28 anos do seu primeiro mandato, ao emplacar o oitavo seguido nas eleições deste ano, nem ela própria imaginava ser pioneira no parlamento sertanejo. “Ouvi muitas piadinhas de que não me elegeria, porque lugar de mulher era na cozinha”, relembra Célia. Reeleita agora pelo PSB, com 1.438 votos, 3,87% dos votos válidos do município, a quase decana não é mais uma estrela solitária a dividir a tribuna da Câmara com homens: mais quatro mulheres farão a diferença na Casa, entre elas Cybele Gomes Cavalcanti Brito, 48 anos, do PP, a mais votada do município, com 2.039 votos.
Célia não imaginava, igualmente, que ao enfrentar preconceitos e convencer o eleitorado conservador da sua terra de que mulher também pode ser política, que mais tarde o município virasse de fato uma referência em trocar o sexo masculino pelo feminino também em outro poder, no Executivo. Quatro anos depois, Arcoverde fez diferente e elegeu a primeira mulher prefeita de sua história e uma das aves raras do Estado: Erivânia Camelo. Quatro anos depois, nova saia adentrava na Prefeitura abençoada pelas urnas: Rosa Barros.
Esta, aliás, também virou mais tarde a primeira deputada de Arcoverde. O que não estava escrito nas estrelas de Célia, entretanto, é que fosse obrigada a fazer a mais combativa oposição a uma mulher em todos os 28 anos em que está com mandato. Envolvida nos dois primeiros anos de sua gestão (93 e 94) em denúncias de nepotismo e corrupção, a prefeita Erivânia Camelo perdeu o sono e a tranquilidade pela voz combatente e destemida de Célia na Câmara e nos tribunais.

TCE-PE é o segundo mais transparente do Brasil

Com uma pontuação de 81 (o máximo é 100), o Tribunal de Contas de Pernambuco – que tem como presidente o conselheiroCarlos Porto – é o segundo mais transparente do Brasil (dentre os estaduais) e o terceiro no cômputo geral (incluindo o TCU e os TC’s municipais), de acordo com avaliação realizada pela ENCCLA (Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro – 2016). O primeiro é o TCE-RS.
A ENCCLA avaliou este ano o índice de transparência nos Tribunais de Contas, nos poderes Legislativo e Judiciário, além do Ministério Público, objetivando aumentar a efetividade do sistema preventivo de lavagem de dinheiro e de combate à corrupção.
Os critérios utilizados para fazer a avaliação foram o respeito às determinações das Leis de Responsabilidade Fiscal (LRF) e de Acesso à Informação (LAI) e a Resolução 06/2014 da Atricon que trata, especificamente, da realidade dos Tribunais de Contas.
Além da Atricon, colaboraram para esta avaliação, dentre outras entidades, o BNDES, a Associação dos Juízes Federais, a CADE, a CGU, o Conselho Nacional de Justiça, o Conselho Nacional do Ministério Público e o INSS.
A XIII reunião plenária da ENCCLA foi realizada em Fortaleza (CE) entre os dias 23 e 26 de novembro do ano passado.
Confira, abaixo, o Índice de Transparência dos Tribunais de Contas:

Senado outorga a Padre Airton Freire a medalha Dom Hélder Câmara


padre airton freire - divulgaçao

O Senado outorgou nesta terça-feira (6) a Medalha Dom Hélder Câmara ao padre pernambucano (de São José do Egito) Airton Freire, fundador da Fundação Terra (Arcoverde), que assiste diretamente a cerca de duas mil pessoas em situação de vulnerabilidade social.
A comenda foi outorgada por proposição do senador Humberto Costa (PT-PE). O pároco, no entanto, não compareceu à solenidade. Foi representado pelo superintendente da Fundação, Wellington Santana.
A Fundação Terra foi criada há 32 anos na Rua do Lixo, em Arcoverde (a 254 km do Recife), e desde então se tornou uma referência no país em defesa de pessoas humildes.
Ela mantém duas escolas, três creches, uma biblioteca, uma casa para crianças e adolescentes e dois abrigos para idosos, sendo um na cidade de Sertânia, que fica a 60 km de distância
Além disso, a sustenta um centro de reabilitação ( intelectual, motora, visual e auditiva), o Mens Sana (que atua por meio de convênio celebrado com o SUS), um centro de reabilitação de alcoólatras e drogados, e o Terra Terapêutica (situado em Mimoso, distrito de Pesqueira, a 20 quilômetros de Arcoverde).
Toda essa estrutura, segundo o senador, permite que mais de mil crianças sejam atendidas nas escolas e creches (70 delas em situação de vulnerabilidade),  30 idosos, 292 crianças e jovens nos pontos de educação complementar (músicas, artes marciais, dança, percussão e artes cênicas) e 339 jovens e adultos em cursos profissionalizantes.

Governo do Estado consegue reaver 480 milhões de créditos tributários


marcelo-barros-foto-sefaz-pe

O Governo do Estado conseguiu recuperar ao longo deste ano R$ 480 milhões de dívidas tributárias por meio do “Programa Especial de Recuperação de Créditos Tributários”.
De acordo com a assessoria do secretário da Fazenda, Marcelo Barros, R$ 329 milhões já foram pagos e R$ 151 milhões serão parcelados.
O montante recebido foi quatro vezes maior do que a previsão inicial, que era R$ 120 milhões. No último programa semelhante, lançado em 2011/2012, o total recuperado foi de apenas R$ 227 milhões.
Este ano, 5.581 contribuintes regularizaram os seus débitos perante o fisco estadual. Em razão disso, a arrecadação do mês de novembro batesse recorde mensal, alcançando o valor de R$ 1,6 bilhão.
O dia 30 de novembro de 2016 foi, historicamente, segundo a Sefaz, o dia em que mais se arrecadou ICMS na história – R$ 500 milhões.
O secretário da Fazenda participou pessoalmente de seis rodadas de negociação com grandes empresas sediadas em São Paulo, e com filiais em Pernambuco. O programa ofereceu parcelamento dos débitos em até 24 meses e descontos de até 95% nas multas e até 85% nos juros.
Do valor arrecadado, R$ 91,8 milhões (25%) foram destinados aos 184 municípios pernambucanos. Por Inaldo

Governo do Estado deve 4 milhões às autarquias municipais de ensino

Fred Amâncio - foto Ademar Filho
O Governo do Estado já está devendo R$ 4 milhões a 13 Autarquias Municipais de ensino do interior, segundo revelaram os seus dirigentes durante visita feita hoje à capital.
Eles vieram participar de mais uma rodada de  conversas sobre o atraso nos repasses do Programa Universidade para Todos em Pernambuco (PROUPE), mas não foram atendidos por ninguém do governo estadual.
“Não havia ninguém do governo para nos receber. Disseram que alguns estavam em horário de almoço e que outros estavam ocupados. Um desrespeito total”, disse a professora Ana Gleide, presidente da Autarquia de Belém do São Francisco, referindo-se ao secretário Fred Amâncio(Educação).
Também estavam representadas as Autarquias de Petrolina, Afogados da Ingazeira, Araripina, Arcoverde, Belém do São Francisco, Belo Jardim, Cabo de Santo Agostinho, Garanhuns, Goiana, Limoeiro, Palmares, Salgueiro e Serra Talhada.
Segundo o presidente da Associação das Instituições de Ensino Superior do Estado de Pernambuco, Rinaldo Remígio, os atrasos nos pagamentos acarretam acúmulos de despesas com folha de pagamento e manutenção básica dessas entidades.
O PROUPE, criado no governo Eduardo Campos, proporciona bolsa de estudo a pessoas de baixa renda para frequentar essas instituições de ensino.
Segundo o professor Remígio, desde 2015 a oferta de bolsas caiu em cerca de 50%. Hoje, o número de alunos beneficiados é de cerca de 7 mil, quando dois anos atrás era de 14 mil.
De acordo ainda com Remígio, as tentativas dos dirigentes dessas entidades para se reunirem com o Governo do Estado se arrastam pelos últimos seis meses, sem qualquer solução.

Quarto acusado da morte do promotor Thiago Faria irá a júri na próxima segunda


Thiago Farias Soares - reprodução internet

Está marcado para a próxima segunda-feira (12), no prédio da Justiça Federal, no Recife, o júri de José Maria Domingos Cavalcante, acusado de ser um dos autores do assassinato do promotor público de Itaíba, Thiago Faria Soares.
O júri terá início às 9h e deve durar pelo menos três dias. José Maria é acusado de homicídio do promotor e da tentativa de homicídio da noiva dele, Mysheva Freire Ferrão Martins.
Ele deveria ter sido julgado em outubro junto com os três outros acusados do crime. No entanto, devido à ausência injustificada do seu advogado, o juiz determinou o desmembramento do processo.
De 24 a 28 de outubro deste ano, a Justiça Federal realizou o júri dos acusados da morte do promotor, fato ocorrido entre Águas Belas e Itaíba no ano de 2013.
Foram condenados José Maria Pedro Rosendo Barbosa (a 50 anos e 4 meses de prisão em regime fechado) e José Marisvaldo Vítor da Silva (a 40 anos e 8 meses também em regime fechado).
Já o réu Adeildo Ferreira dos Santos foi considerado inocente pelo júri e libertado na mesma hora. Postado

COM TEMPESTADE PERFEITA, AÉCIO OFERECE ANASTASIA PARA LUGAR DE TEMER

Moreira MarizGGN - O Congresso já discute abertamente quem serão os nomes colocados para um eventual colégio eleitoral se Michel Temer for cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral. Até agora, já vinham sido discutidas na imprensa as chances de Fernando Henrique Cardoso e Nelson Jobim estarem no páreo. Coluna do Estadãomostra que alguns parlamentares sugeriram Henrique Meirelles - apesar de sua frágil posição na Fazenda - e, agora, Aécio Neves estaria pavimentando a candidatura de Antonio Anastasia.
De acordo com o texto, o favorito, nos bastidores, tem sido Nelson Jobim, pelo bom trânsito político. Isso considerando que FHC tem negado publicamente que aceitaria o desafio de ser eleito presidente novamente, mas por uma via indireta.
Nesse cenário, o PT estaria discutindo ficar de fora da decisão, como fez em com Tancredo Neves na década de 1980, quando a legenda se absteve na votação.
Do lado do PSDB, sempre dividido, há ainda aqueles que acham que o partido deveria retirar a ação no TSE que pode derrubar Temer. Grupo ligado a Aécio, contudo, acha que seria inútil adotar essa estratégia porque o Ministério Público poderia encampar o processo mesmo com um possível recuo da Corte Eleitoral.

Justiça bloqueia R$ 3,1 milhões da mulher de Padilha

A Justiça bloqueou R$ 3,1 milhões na conta bancária de Maria Eliane, esposa do ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. Ela é sócia do ministro e é também uma das proprietárias de duas fazendas no município de Vila Bela da Santíssima Trindade, no Mato Grosso. O bloqueio é uma forma de garantir a reparação dos danos ambientais provocados pelo desmatamento ilegal nas propriedades.
Ontem, a justiça bloqueou R$ 38 milhões de Padilha, um dos principais aliado do presidente Michel Temer.
O juiz Leonardo Tumiati determinou o bloqueio de bens e das contas bancárias do ministro Padilha e de suas duas empresas, Jasmim Agropecuária e Rubi Assessoria, de Maria Eliane, da Agropecuária Paredão e de Marcos Antonio Assi Tozzatti.


O Ministério Público do Mato Grosso também considerou “muito precárias” as condições do alojamento dos trabalhadores de uma das fazendas inspecionadas. Por Magno Martins

TASSO JEREISSATI CONDENA ZORRA GERAL


 Jefferson Rudy

247 - O senador Tasso Jereissati (PSDB/CE) se declarou "indignado" com a crise política brasileira. Ele questionou a decisão do ministro Marco Aurélio Mello que determinou o afastamento de Renan Calheiros da presidência do Senado.
"Estou indignado com a irresponsabilidade de todo mundo. Estamos a seis dias da votação da PEC do teto e a 10 dias do fim do mandato do Renan. Que irresponsabilidade! A crise é gravíssima! Não podiam pensar no Brasil? Agora Renan não acata e estamos sem presidente, sem sessão, e é gente de todo mundo ligando em pânico, gigantes do mercado perguntando se já não é hora de deixar o Brasil", afirmou.

Aníbal Gomes vira réu no STF por corrupção e lavagem de dinheiro

: <p>Anibal Gomes</p>

247 - Por unanimidade, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu na tarde desta terça-feira, 6, aceitar a denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o deputado federal Aníbal Gomes (PMDB-CE) por envolvimento no esquema de corrupção instalado na Petrobras.
Com o recebimento da denúncia, Aníbal – que é aliado do senador Renan Calheiros (PMDB-AL) – se tornou réu no âmbito da Operação Lava Jato e responderá à ação penal por corrupção (ativa e passiva) e lavagem de dinheiro. Aníbal é o terceiro parlamentar atualmente no exercício do mandato a se tornar réu no âmbito da Lava Jato.

Mesmo com crise, Temer gasta R$ 42 mil em jantares com aliados

Beto Barata: <p>(Brasília - DF 06/12/2016) Presidente Michel Temer durante Cerimônia de assinatura do Contrato de Estruturação Financeira da Santa Casa de São Paulo. Foto: Beto Barata/PR</p>

247 - O presidente Michel Temer gastou R$ 41,9 mil para a realização de dois jantares para a base aliada do governo federal no Congresso Nacional. Os encontros, promovidos no Palácio da Alvorada em outubro e em novembro, tiveram como objetivo mobilizar os parlamentares governistas da Câmara dos Deputados e do Senado a aprovarem a proposta do teto de gastos públicos.
Segundo o governo federal, o jantar para os deputados federais teve custo de R$ 35.363,91 aos cofres públicos, enquanto a reunião com os senadores teve um gasto total de R$ 6.543,19.
No cardápio, de acordo com relatos de presentes, foram servidos vinho argentino, salmão, carne e risoto. Além dos deputados e senadores, participaram dos encontros ministros e mulheres de parlamentares.

Lula pede fim de sigilo em ação que move contra Moro


247 - Em coletiva de imprensa sobre o livro "O caso Lula", Cristiano Zanin Martins, advogado do ex-presidente Lula, informou que entrou com uma petição no TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), que aprecia a queixa-crime de Lula e sua família sobre as ilegalidades cometidas contra eles por Sérgio Moro (interceptações telefônicas ilegais, condução coercitiva injustificada, divulgação ilegal de escutas entre familiares e com advogados), para que o processo não corra sob sigilo de justiça.
O documento pede que o juiz que conduz o caso consulte Sérgio Moro para que ele autorize o levantamento do sigilo, já que Moro sempre tem defendido a transparência na tramitação de processos judiciais contra autoridades. Se ele defende isso para os casos que ele julga, porque não aceitar o mesmo quando ele é o investigado?

DILMA AVISOU: SE NÃO HÁ LEI PARA A PRESIDENTE, NÃO HÁ PARA MAIS NINGUÉM

Roberto Stuckert Filho/PR


"Se é possível condenar um presidente da República sem que ele tenha qualquer culpabilidade, o que é possível de ser feito contra um cidadão qualquer, que é aquele que nós todos somos, quando não somos presidente? Ou seja, o que é possível fazer com o cidadão e a cidadã brasileira que são, na verdade, os grandes personagens, protagonistas da história da democracia?", disse a presidente Dilma Rousseff, no dia 18 de abril deste ano, um dia depois da votação da Câmara, comandada por Eduardo Cunha, que manchou para sempre a história do Brasil; a mensagem era clara: se a presidente da República estava abaixo da lei, ninguém mais estaria seguro no Brasil; o resultado está aí: Brasil, terra sem lei, em que o STF destitui por liminar um presidente do Senado – e os senadores se recusam a cumprir a decisão.

Avião de pequeno porte cai e explode em Manaus

Estadão
Um avião de pequeno porte caiu em área verde de Manaus, por volta das 8 horas desta quarta-feira, 7, deixando cinco mortos, entre eles uma criança de 4 anos. Um homem ainda não identificado sobreviveu.
O avião – modelo Embraer 720, da empresa Tio Táxi Aéreo – caiu minutos após a decolagem e explodiu ao se chocar na superfície de um terreno desabitado na zona centro-sul da capital amazonense. O voo tinha como destino a cidade de Novo Aripuanã, a 227 quilômetros de Manaus.
Segundo o Corpo de Bombeiros, estavam no avião João Frederico, Jefferson Juarez, Henrique Tiez Neto, Ruan Lemos, Ana Alice Lemos, de 4 anos, e o comandante João Jerônimo.
O homem não identificado foi encaminhado ao Hospital 28 de Agosto com queimaduras pelo corpo, segundo testemunhas.

MORO CONFRATERNIZA COM AÉCIO E REVOLTA ESQUERDA

Diego Padgurschi /Folhapress

247 – Embora tenha sido um dos políticos mais citados nas delações da Lava Jato, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) confraternizou, na noite de ontem, com o juiz Sergio Moro. Aécio já foi apontado como responsável por um mensalão em Furnas, como beneficiário de esquemas no Banco Rural e como "o mais chato" cobrador de propinas de uma empreiteira.
Segundo a delação da empreiteira Odebrecht, ele também recebia recursos por parte de seu marqueteiro Paulo Vasconcelos. De acordo com a delação da OAS, houve também propina de 3% nas obras da Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.
A foto despertou reações. "Do que riem tanto o 'justiceiro' alçado a 'herói nacional' e o candidato derrotado em 2014 - e recordista em citações na investigação comandada pelo primeiro?", questionou o senador Lindbergh Farias (PT-RJ). A deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) afirmou que a foto explica por que tucanos não são punidos na Lava Jato. Segundo Carina Vitral, presidente da União Nacional dos Estudantes, a imagem vale por mil palavras.
Ontem, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que será julgado por Moro, acusou o juiz paranaense de ser um militante do PSDB (leia aqui).

PF deflagra operação contra empresas de seguro no Agreste…

fa0ca36c9890711a040f62ddd32575cc

G1 Caruaru

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (06) no Agreste de Pernambuco a “Operação Insurance”, que investiga atividades de 39 empresas de seguro de automóveis e motocicletas que estavam operando sem autorização legal. Na ação estão sendo mobilizados mais de 100 policiais federais para executar a Operação.

Segundo a PF, desde as 6h estão sendo cumpridos 51 mandados de busca e apreensão e 25 mandados de condução coercitiva (aquele em que a pessoa é obrigada a comparecer para prestar esclarecimentos).

Os mandados foram expedidos pela 24ª Vara da Justiça Federal em Caruaruno Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Federal, As investigações foram iniciadas em junho de 2013 e revelaram a existência de todas essas empresas especializadas na prestação de serviços de seguro veicular para carros de passeio, motocicletas e até veículos de grande porte, operando de forma ilícita e sem autorização do órgão competente.

Continua…

Reinado dos Maranhão chega ao fim



ARARUNA (PB) – Senador da República com mandato renovado nas eleições de 2014, José Targino Maranhão (PMDB), que governou a Paraíba em três oportunidades, também dominava com mão de ferro Araruna, a sua terra natal, há 40 anos. O reinado chegou ao fim nas eleições deste ano por um velho adversário. O advogado Vital Costa, prefeito eleito pelo PP, tirou o clã do poder depois de disputar a Prefeitura pela quarta vez. Se somadas as três eleições proporcionais que perdeu também para deputado, Costa, na verdade, estava nesta luta há sete pleitos seguidos.
Em 2004, quase se elege prefeito.  Perdeu por pouco mais de 1% dos votos para Availdo Azevedo, do PSB, apoiado pelo grupo Targino Maranhão. O socialista teve 50,96% dos votos contra 49,04% dele. Enfrentando em 2012 a mesma adversária que agora derrotou, Vital perdeu por uma diferença bem maior: 44,5% a 34,77% dos votos válidos. Mas como “água mole em pedra dura tanto bate até que fura”, foi à desforra no pleito de outubro passado e, finalmente, venceu a primeira batalha.
Nas ruas, o povo comemorou com samba, carnaval e até axé baiano. Era a certeza de que os Maranhão começavam a ser banidos e Wilma Maranhão, irmã do ex-governador e mãe do deputado federal Benjamim Maranhão (PMDB) e da ex-deputada estadual Olenka Maranhão (PMDB), carimbava sua aposentadoria como prefeita imposta pelo povo. “Não foi fácil derrotar um grupo tão forte, liderado por um ex-governador no exercício do seu segundo mandato de senador, mas, enfim, a população despertou”, traduz Costa.
Para ele, o sentimento de mudança imperou e Araruna se libertou. “Eles governaram durante décadas a Prefeitura com mão de ferro, sem diálogo e um modelo administrativo ultrapassado. Nossa gestão será transparente e democrática com permanente diálogo com a população de Araruna, diferente do que observamos nos últimos 40 anos em que o município teve que conviver com um governo único”, afirmou.

Frio e turismo ecológico puxam o turismo

ARARUNA (PB) – Localizada na região brejeira do Curimataú paraibano, Araruna, com uma população de 19 mil habitantes, está numa posição geográfica privilegiada, em cima de uma serra, com clima extremamente agradável. Tanto que é conhecida como a terra da garoa ou a “Serra do frio”. Fica distante apenas 165 km de João Pessoa, 110 km de Campina Grande e 120 km de Natal, capital do Rio Grande do Norte. Sua grande vocação é o turismo, com destaque para o turismo ecológico puxado pela famosa Pedra da Boca, onde está localizado o Santuário de Nossa Senhora de Fátima.
A história de Araruna começa entre 1830 e 1840 quando Feliciano Soares do Nascimento erigiu uma capela em louvor a Nossa Senhora da Conceição. Em torno da capela surgiram as primeiras casas que deram origem ao povoado. Em 1854, pela Lei provincial nº 25, foi criada a Freguesia de Nossa Senhora da Conceição da Serra de Araruna. Sabe-se que o território de Araruna era propriedade de um senhor residente em Bananeiras, chamado Estêvão José da Rocha.
Trata-se de coronel da Guarda Nacional, popularmente conhecido por "Barão de Araruna", título nobiliárquico concedido pelo imperador do Brasil, devido sua grande influência política no agreste paraibano, onde foi proprietário de muitos lotes de terra no alto da Serra da Araruna durante os idos dos anos 1800.
Araruna, antigo distrito criado em 1854 e subordinado ao município de Bananeiras, recebeu status de município pela lei provincial nº 616, de 10 de julho de 1876. A 10 de julho de 1876, o presidente da Província da Paraíba, o Barão de Mamanguape, sancionou a Lei nº 616, criando o município de Araruna. O ato solene de instalação do município só ocorreu a 11 de julho de 1877, quando tomaram posse os seguintes vereadores: Manuel Januário Bezerra Cavalcanti, presidente, Manuel d'Azevedo Belmont, João Timóteo Queirós, Targino Pereira da Costa e Joaquim Cassiano Bezerra.
Desde as suas origens, o município de Araruna esteve sob os domínios políticos da família Bezerra Cavalcanti, entrelaçada com os Carneiro da Cunha, influentes na política não só de Bananeiras, a que estava ligada Araruna, como na política da província. A partir da primeira década do Século XX, a família Targino Maranhão passou a dominar politicamente Araruna. Um domínio que, salvo um pequeno período no Estado Novo, vem se confirmando até os tempos atuais.
O desenvolvimento urbano de Araruna operou-se em três períodos distintos: o primeiro se deu entre a formação do povoado e 1908, quando se iniciou a construção do Mercado Público. O segundo se estende entre a construção do Velho Mercado até 1967, quando foi construído o Mercado Novo. O terceiro período começa com a inauguração do Mercado Novo e se estende até nossos dias.
A divisão administrativa do município tem sofrido várias modificações ao longo do tempo. Na divisão administrativa de 1901, figura com três distritos: Araruna, Tacima e Riachão. Na de 1933, aparece um único distrito: Araruna. Outra alteração aparece nas divisões territoriais de 31.12.1936 e 31.12.1937, onde volta a figurar com três distritos: Araruna, Tacima e Cacimba de Dentro. Em 15 de novembro de 1938, em virtude do Decreto-lei estadual nº 1.164, recebeu foros de município. A comarca foi criada pelo Decreto-lei estadual nº 39, de 10 de abril de 1940. Por Magno

Deputada denuncia fechamento de treze Creas

A deputada estadual Teresa Leitão (PT) se posicionou contra o fechamento de treze Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas), pelo Governo do Estado. O tema foi abordado durante pronunciamento no plenário da Assembleia Legislativa, na tarde de ontem. Teresa fez ainda um apelo ao governo para que pague os salários atrasados dos trabalhadores; atenda a proposta de reformulação apresentada pela categoria, fruto da solicitação feita pelo secretário Isaltino Nascimento e que a Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe) procure os prefeitos dos municípios para que se discuta como será prestada a assistência social à população.
A deputada explicou que recebeu representantes dos Creas regionais e destacou o fechamento das 13 unidades, após o rompimento do contrato do Poder Executivo com a empresa executora, em junho. Segundo ela, a medida provocou a demissão de 103 servidores. Teresa lembrou que o tema já havia sido tratado por ela na Casa em junho/2016, quando denunciou o atraso no pagamento dos salários de funcionários. “O secretário Isaltino Nascimento chamou os profissionais para dialogar e pediu que apresentassem uma proposta alternativa, adaptada à situação financeira do Estado. Mesmo com salários atrasados, eles não se negaram a fazê-lo. Ainda assim, o serviço foi sucateado, e o governo não deu nenhuma resposta a esses profissionais”, ressaltou.
Teresa anunciou que enviará uma carta ao governador Paulo Câmara solicitando de imediato o pagamento das dívidas com os servidores e a manutenção do serviço de assistência social no Estado. Para justificar o fechamento das unidades, o governo alega que o município assumirá toda a demanda. “Existem Creas municipais que não conseguem nem fazer as visitas domiciliares necessárias e agora terão ainda que acumular os trabalhos das regionais. Com isso o trabalho em regime de colaboração que era feita entre os Creas regionais e municipais vai por água abaixo”, relatou.

Leandro Fortes: a foto mais obscena destes nossos tempos



Jornalista Leandro Fortes afirma que a foto que mostra o juiz da Lava Jato, Sérgio Moro, confraternizando com o senador Aécio Neves (PSDB), investigado na Lava Jato, será a representação simbólica "desses dias de caos e desesperança"; "Essa intimidade obscena, protagonizada por essas duas figuras lamentáveis, em um convescote de quinta categoria, é, literalmente, o retrato da república de bananas que nos tornamos".

Lula acusa Moro de ser militante do PSDB


Rafaella Zanol / Gcom MT: "Magistrado que julga Lula é o mesmo que é chamado para dar palestra em evento do governo do PSDB e que elogia deputado tucano acusado de desviar dinheiro de secretaria estadual de Educação", diz texto publicado na página do ex-presidente Lula no Facebook, divulgando notícia e foto de palestra proferida pelo juiz da Lava Jato no Mato Grosso, Estado governado por Pedro Taques, do PSDB, acusado de ter sido eleito com recursos desviados da educação; em seu discurso, Moro fez elogios ao deputado tucano Nilson Leitão (PSDB-MT), que votou contra o projeto de lei que visa regular a ação das autoridades, sem citar, porém, que o parlamentar também foi recentemente citado em delação premiada acusado de ter recebido dinheiro desviado de esquema fraudulento na Secretaria de Estado de Educação

ANTES DE ADERIR AO GOLPE, TEMER FOI PROFETA E PREVIU CRISE INSTITUCIONAL


247 – No dia 30 de março de 2015, o então vice-presidente Michel Temer fez a seguinte postagem em seu Twitter: “O impeachment é impensável, geraria uma crise institucional. Não tem base jurídica e nem política".
Naquele momento, Temer ainda resistia a aderir ao golpe que vinha sendo articulado pelo senador Aécio Neves (PSDB-MG), que não se conformou com a derrota na disputa presidencial de 2014, e pelo ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que tentava se blindar da Lava Jato, com aval do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.
Naquele momento, Temer conseguiu ter razão, ao profetizar a crise institucional que seria provocada pelo impeachment sem base jurídica – ou seja, golpe.
Como a lei deixou de valer para Dilma Rousseff, hoje já não vale mais para ninguém (leia mais aqui).
Ontem, depois de ser afastado por uma liminar, o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) se recusou a cumprir a ordem judicial.
Nesse embate entre Legislativo e Judiciário, o jornal Valor, do grupo Globo, principal articulador do golpe, estampou hoje em sua manchete: "Caso Renan abre crise institucional".
Desde o impechment sem base jurídica, nas palavras de Temer, o Brasil virou uma terra sem lei e o resultado é uma república bananeira ridicularizada no mundo, onde não se sabe o que é pior: um chefe do Legislativo afastado por liminar ou uma mesa do Senado que descumpre ordem judicial.
Abaixo, entrevista da presidente Dilma Rousseff, em que esse caos é abordado:

Banco do Brasil de Limoeiro mais uma vez é alvo de assalto…

bb

Na madrugada desta quarta-feira (7), mais uma vez a agência do Banco do Brasil de Limoeiro, localizada na Avenida Santo Antônio, foi alvo de assalto. Uma viatura da Polícia Militar (PM) está no local neste momento registrando a ocorrência.

Informações iniciais indicam que o mesmo “modus operandi”  utilizado no dia 11 de maio deste ano se repetiu: invasão pela porta do estacionamento (que fica na Rua Francisco Atelano), sem explosões e muita tranquilidade. Imagens de câmeras de segurança instaladas em prédios próximos serão solicitadas pela polícia para ajudar nas investigações.

Ainda não se tem informações de suspeitos e se alguma quantia foi furtada. A gerência do banco foi acionada para acompanhar os policiais na perícia inicial, que será feita pelo Instituto de Criminalística (IC). O local está isolado pela PM. (Blog do Agreste)

Foto de Paulo Pinto
Foto de Paulo Pinto